Chile. Cardeal Errázuriz: ''Não irei ao encontro com o papa. Há alguns dias, entreguei-lhe um relatório sobre o caso de Karadima''

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • O estado de exceção provocado por uma emergência imotivada. Artigo de Giorgio Agamben

    LER MAIS
  • Nada se compara ao parasita brasileiro. Artigo de Ladislau Dowbor

    LER MAIS
  • “Uma falha do pensamento feminista é acreditar que a violência de gênero é um problema de homens e mulheres”, aponta Rita Segato

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

11 Mai 2018

O arcebispo emérito de Santiago, cardeal Francisco Javier Errázuriz, que decidiu não participar dos encontros do Papa Francisco com 31 bispos do Chile, entre os próximos dias 14 e 17, explicou a sua singular ausência dizendo que se devia a “motivos pessoais”. Mas agora o purpurado mudou de versão e, de acordo com o que declarou ao jornal La Tercera, mas também a outros meios de comunicação chilenos próximos dele, ele não vai participar das reuniões no Vaticano porque retornou ao Chile há apenas nove dias, depois de participar da 24ª reunião do C9 (23 a 25 de abril) em Roma.

A reportagem é de Il Sismografo, 10-05-2018. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Ele acrescentou que as viagens custam muito caro e que, além disso, quando se informou na Domus Santa Marta para uma eventual estada, um bispo auxiliar da capital, que coordena a organização da viagem, lhe disse que todos os quartos já estavam reservados.

Porém, o cardeal Errázuriz deu uma notícia importante. Concretamente, ele explicou que entregou ao papa, antes de seu retorno ao Chile no fim de abril, um relatório sobre o caso chileno – Karadima, abusos, crises e afins – de 14 pastas. Seu relatório, de acordo com um esclarecimento do cardeal, também faz referência às “ramificações” do caso.

Leia mais

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Chile. Cardeal Errázuriz: ''Não irei ao encontro com o papa. Há alguns dias, entreguei-lhe um relatório sobre o caso de Karadima'' - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV