Governadores do Nordeste pedem apoio à China para combater Coronavírus

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “Da crise não saímos iguais. Ou saímos melhores ou saímos piores”, afirma Papa Francisco na ONU

    LER MAIS
  • Vaticano. Aos irmãos de Becciu 1,5 milhão de euros do dono de empresa de petróleo angolano

    LER MAIS
  • O papa Francisco não receberá o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


23 Março 2020

O Consórcio do Nordeste, grupo de governadores da região, pediu ajuda à embaixada da China, representada no Brasil por Yang Wanming, com materiais médicos e insumos para combater o coronavírus.

A reportagem é publicada por Mídia Ninja, 21-03-2020.

O ofício, assinado por Rui Costa (PT-BA), é da última quarta-feira, 18, mesmo dia em que o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) afirmou no Twitter que a culpa do covid-19 é da China e deflagrou uma crise com o maior parceiro comercial do Brasil.

 

O texto pede ajuda do governo chinês, “que acaba de viver um problema semelhante, do qual saiu vitoriosos por meio de uma guerra do povo contra o vírus”, apoio no envio de materiais médicos, insumos e equipamentos. Em especial, com leitos de UTI e de respiradores.

“Colocamo-nos à disposição de vocês para quaisquer esclarecimentos que sejam necessários e queremos, desde já, reafirmar nossa admiração pela forma como o povo chinês enfrenta a epidemia e pela imensa amizade que une nossos povos”, conclui o texto assinado por Costa.

O embaixador a China no Brasil, Yang Wanming, respondeu: “Sr. governador, já recebemos a sua mensagem. vamos esforçar por isso.”

 


Na quinta-feira, 19, o governador do DF, Ibaneis Rocha, também fez um pedido similar à embaixada.

Recentemente, um dos filhos do presidente, Eduardo Bolsonaro, fez declarações desrespeitosas dizendo que o Coronavírus era um “vírus chinês” e ainda afirmou que o país asiático é o responsável pela pandemia de coronavírus. A embaixada da China no Brasil e o embaixador exigiram desculpas e afirmaram em tweets que “são absurdas e preconceituosas as suas palavras, além de ser irresponsáveis”.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Governadores do Nordeste pedem apoio à China para combater Coronavírus - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV