Inteligência artificial e capitalismo digital na China pré e pós pandemia de Covid-19 | XIX Simpósio Internacional IHU Homo Digitalis

Imagem PXHere / Creative Commons

30 Novembro 2020

A China é, indiscutivelmente, um dos principais atores globais contemporâneos. E é desde esta perspectiva que o professor Jack Qiu, da Universidade Nacional de Singapura, falará no XIX Simpósio Internacional IHU Homo Digitalis. A escalada da algoritmização da vida em tempos de pandemia. Sua conferência Inteligência artificial e capitalismo digital na China pré e pós pandemia de Covid-19 será no dia 16 de dezembro, a partir das 10h. O debate será mediado pelo MS Rafael Zanatta, da Associação Data Privacy Brasil de Pesquisa.

Tal como as demais conferências do Simpósio, a atividade ocorrerá de modo on-line. As inscrições estão abertas no site do evento. Para sua maior comodidade, você pode clicar no vídeo abaixo para "Definir lembrete" e receber a notificação pelo YouTube quando as atividades estiverem prestes a iniciar.

 

 

 


Jack Qiu - National University of Singapore - Singapura

Jack Linchuan Qiu é professor da Escola de Jornalismo e Comunicação da Universidade Chinesa de Hong Kong, onde atua como diretor do C-Center (Centro de Pesquisa em Mídia Chinesa e Comunicação Comparada). Suas publicações incluem Goodbye iSlave (U of Illinois Press, 2016), World Factory in the Information Era (Guangxi Normal University Press, 2013), New Media Events Research (Renmin U Press, 2011), Working-Class Network Society (MIT Press, 2009), Mobile Communication and Society (coautoria, MIT Press, 2006), algumas das quais foram traduzidas para alemão, francês, espanhol, português e coreano. Também trabalha com ONGs de base e fornece serviços de consultoria para organizações internacionais.

 

Imagem: Reprodução Platafform Coopertavism

Sobre o evento

A Universidade do Vale do Rio dos Sinos – Unisinos, numa iniciativa do Instituto Humanitas Unisinos – IHU, ao promover o XIX Simpósio Internacional IHU Homo Digitalis. A escalada da algoritmização da vida em tempos de pandemia, propõe debater, numa visão transdisciplinar, a digitalização como um modo de ser no mundo, que cada vez mais se estabelece na estruturação social.

O Simpósio discutirá as potencialidades, limites e os riscos da digitalização, identificando seus impactos na reprodução da vida humana e do planeta, cotejando tendências pré pandemia, subsumindo-as no contexto pandêmico e vislumbrando possíveis futuros pós Covid-19.

 

Leia mais

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV