As mudanças climáticas têm impacto na magnitude das inundações na Europa

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “Eu fui nomeado o quê? Um carnaval” – a surpresa de um padre de 80 anos

    LER MAIS
  • Papa Francisco: “O que o Evangelho nos pede é ser povo de Deus, não elite de Deus”

    LER MAIS
  • “Não gosto da roupagem que colocam em nós cardeais, é cara e de príncipe”. Entrevista com o novo cardeal mexicano Felipe Arizmendi

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


30 Agosto 2019

Um grande projeto de pesquisa internacional liderado por TU Wien (Viena) demonstrou pela primeira vez que as mudanças climáticas têm um impacto na magnitude das inundações dos rios.

A reportagem é de Florian Aigner, publicada por Universidade Técnica de Viena TU Wien, e reproduzida por EcoDebate, 29-08-2019. A tradução e edição são de Henrique Cortez.

Os rios transbordantes podem causar enormes prejuízos: em todo o mundo, o dano anual causado pelas inundações dos rios é estimado em mais de 100 bilhões de dólares – e continua a aumentar. Até agora não ficou claro como as mudanças climáticas influenciam a magnitude das inundações dos rios. Não havia padrões aparentes.

O especialista austríaco em inundação professor Günter Blöschl de TU Wien (Viena) liderou um grande estudo internacional envolvendo um total de 35 grupos de pesquisa que fornece evidências claras de que mudanças na magnitude dos eventos de enchentes observadas nas últimas décadas podem ser atribuídas à mudança climática. No entanto, as mudanças climáticas não têm o mesmo efeito sobre as inundações em todos os lugares: no noroeste da Europa, as enchentes estão se tornando cada vez mais severas, na Europa meridional e oriental tendem a diminuir, embora em pequenas bacias possam aumentar. Os resultados do estudo foram publicados na revista Nature.

A mudança climática é um fator crucial

“Nós já sabíamos da nossa pesquisa anterior que as mudanças climáticas estão mudando o tempo das inundações em um ano”, diz Günter Blöschl. “Mas a questão-chave é: a mudança climática também controla a magnitude dos eventos de inundação? Até agora, os dados disponíveis não foram suficientes para determinar se este é o caso ou não. Examinamos agora esta questão em grande detalhe e podemos dizer com confiança: Sim, a influência da mudança climática é clara “.

Para o estudo, os dados de 3.738 estações de medição de inundação na Europa de 1960 a 2010 foram analisados: “Por muito tempo foi assumido que a mudança climática está tendo um impacto na magnitude das águas da inundação porque uma atmosfera mais quente pode armazenar mais água” “explica Günter Blöschl. “No entanto, este não é o único efeito, as coisas são mais complicadas.”

Na Europa central e norte-ocidental, entre a Islândia e a Áustria, as magnitudes de inundação estão aumentando porque a precipitação está aumentando e os solos estão se tornando mais úmidos. No sul da Europa, por outro lado, os níveis de inundação estão diminuindo, já que as mudanças climáticas resultam em declínio na precipitação e as temperaturas mais altas causam o aumento da evaporação da água no solo. No entanto, para pequenos rios, as inundações podem realmente aumentar devido a frequentes tempestades e desmatamento. No clima mais continental da Europa Oriental, as magnitudes das inundações tendem a diminuir devido a pacotes de neve mais rasos no inverno associados a temperaturas mais altas. “Os processos diferem em toda a Europa – mas todos os padrões regionais correspondem bem aos impactos previstos das mudanças climáticas”, diz Blöschl, “Isso nos mostra que já estamos no meio das mudanças climáticas".

Grandes mudanças

A magnitude das mudanças é notável: elas variam de um declínio de 23,1% por década (em relação à média de longo prazo) a um aumento de 11,4% por década. Se estas tendências continuarem no futuro, podem ser esperados efeitos importantes sobre o risco de inundações em muitas regiões da Europa.

Günter Blöschl defende a inclusão desses resultados nas estratégias de gestão de inundações: “Independentemente dos esforços necessários para a mitigação da mudança climática, veremos os efeitos dessas mudanças nas próximas décadas”, diz Blöschl. “O gerenciamento de enchentes deve se adaptar a essas novas realidades.”

Referência:

Günter Blöschl et al., Changing climate both increases and decreases European river floods, Nature (2019). 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

As mudanças climáticas têm impacto na magnitude das inundações na Europa - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV