O Papa confia nova missão a Dom Scicluna no Chile

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • "Sínodo é até o limite. Inclui a todos: Os pobres, os mendigos, os jovens toxicodependentes, todos esses que a sociedade descarta, fazem parte do Sínodo", diz o Papa Francisco

    LER MAIS
  • Por que a extrema direita elegeu Paulo Freire seu inimigo

    LER MAIS
  • Ainda há espaço para a missão do padre? Artigo de Giannino Piana

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


01 Junho 2018

O Santo Padre envia Dom Scicluna para continuar a investigação sobre abusos sexuais, desta vez à Diocese de Osorno; e recebe no Vaticano um segundo grupo de vítimas do padre Fernando Karadima.

A informação foi publicada por Vatican News, 31-05-2018.

O diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Greg Burke, anunciou em um comunicado divulgado nesta quinta-feira, 31 de maio, que no próximo final de semana, como previsto, o Santo Padre receberá na Casa Santa Marta um segundo grupo de vítimas do Rev. Fernando Karadima e seus seguidores da paróquia do Sagrado Coração da Providência ("El Bosque").

O papa receberá um segundo grupo de vítimas

Trata-se de cinco padres que foram vítimas de abusos de poder, de consciência e sexuais. Junto com eles também dois sacerdotes que assistiram as vítimas no seu percurso jurídico e espiritual, e dois leigos envolvidos nesse sofrimento. Todos serão hóspedes no Vaticano de 1º a 3 de junho.

O Papa iniciou os encontros pessoais com vítimas de abuso no Chile

Com este novo encontro, programado há um mês, o Papa Francisco quer mostrar sua proximidade aos sacerdotes abusados, acompanhá-los em sua dor e escutar seus valiosos pareceres para melhorar as atuais medidas preventivas de combate aos abusos na Igreja.

Conclui-se assim esta primeira fase de encontros que o Santo Padre quis manter com as vítimas do sistema abusivo estabelecido há várias décadas na mencionada paróquia.

Esses padres e leigos representam todas as vítimas de abusos do clero no Chile, mas não se descarta a possibilidade de se repetir iniciativas semelhantes no futuro.

Nova missão de Dom Scicluna no Chile

Por outro lado, para avançar no processo de reparação e reabilitação das vítimas de abusos, nos próximos dias partirão novamente para o Chile Dom Charles Scicluna e Mons. Jordi Bertomeu, desta vez em missão à diocese de Osorno, enviados pelo Pontífice.

O Papa pede perdão às vítimas de abuso sexual no Chile

Enquanto isso, o Santo Padre enviará ao Presidente da Conferência Episcopal do Chile uma carta escrita pessoalmente e endereçada a todo o Povo de Deus, como havia prometido aos bispos.

Para ler a íntegra da carta, clique aqui.

Da mesma forma, o Sucessor de Pedro continua pedindo aos fiéis do Chile - e especialmente aos fiéis das paróquias onde esses sacerdotes desempenham seu ministério pastoral – para acompanhá-los com a oração e a solidariedade durante estes dias.

Leia mais

 

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O Papa confia nova missão a Dom Scicluna no Chile - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV