Contra “descalabros” de Bolsonaro, intelectuais apoiam “Carta ao Povo de Deus”

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “Da crise não saímos iguais. Ou saímos melhores ou saímos piores”, afirma Papa Francisco na ONU

    LER MAIS
  • O olhar sobre a “comunhão eucarística”: uma mudança de paradigma. Artigo de Andrea Grillo

    LER MAIS
  • Pós-humano: o desafio de falar do humano e de seu valor. Mudança de época. Artigo de Paolo Benanti

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


03 Agosto 2020

Projeto Brasil Nação, movimento de intelectuais e artistas, manifestou apoio a críticas feitas por 152 bispos brasileiros.

 

Eis o manifesto de apoio.

 

O Projeto Brasil Nação apoia e se solidariza com a "Carta ao Povo de Deus", assinada por mais de 150 de bispos brasileiros. O texto aponta os descalabros produzidos pelo governo Bolsonaro, que impõe ao país milhares de mortes na pandemia, ataques à democracia, desagregação social, desastre ambiental, uma “economia que mata”.

De forma deliberada, Bolsonaro age para destruir o Brasil e subordiná-lo aos interesses estrangeiros, colocando a Nação como vassala dos Estados Unidos. Roendo as instituições, desprezando a população e aniquilando pequenas empresas, o governo se transforma em inimigo da vida, da saúde, da democracia, da soberania, da diplomacia, de direitos, da ética, da educação, da cultura, do desenvolvimento com justiça, igualdade e paz.

Como reforça o documento dos bispos, “o momento é de unidade no respeito à pluralidade!”. Seus signatários propõem “um amplo diálogo nacional que envolva humanistas, os comprometidos com a democracia, movimentos sociais, homens e mulheres de boa vontade”.

O Projeto Brasil Nação, movimento suprapartidário que reúne intelectuais, artistas, cidadãos de diferentes visões políticas, apoia essa ideia e se soma a esse chamamento. É preciso, como afirmam os religiosos, despertar “do sono que nos imobiliza e nos faz meros espectadores da realidade de milhares de mortes e da violência que nos assolam”.

São Paulo, 31 de julho de 2020

Projeto Brasil Nação
Luiz Carlos Bresser-Pereira
Celso Amorim
Margarida Genevois
Fábio Konder Comparato
Luciano Coutinho
Maria Victoria Benevides
Luiz Gonzaga Belluzzo
Paulo Sérgio Pinheiro
Eleonora de Lucena
Paulo Nogueira Batista Júnior
Maria Auxiliadora Arantes
Rodolfo Lucena
Luiz Felipe de Alencastro
Maria Aparecida Aquino
Fernando Morais
Leda Paulani
Tata Amaral
Eduardo Fagnani
Benedito Tadeu Cesar
Ismail Xavier
Henri Arraes Gervaiseau
William Nozaki
Paulo Kliass

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Contra “descalabros” de Bolsonaro, intelectuais apoiam “Carta ao Povo de Deus” - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV