O C-8 dos cardeais examina os dicastérios vaticanos

Revista ihu on-line

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Mais Lidos

  • Os Arautos do Evangelho não reconhecem o Comissário do Vaticano, dom Raymundo Damasceno Assis

    LER MAIS
  • Pacto das Catacumbas pela Casa Comum. Por uma Igreja com rosto amazônico, pobre e servidora, profética e samaritana

    LER MAIS
  • A ideologização da Sociologia (além de uma simples distração). Artigo de Carlos A. Gadea

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

Por: André | 03 Dezembro 2013

Reunir-se-á a partir desta terça-feira, 03 de dezembro, e até a quinta-feira, com sessões de trabalho pela manhã e pela tarde, o C-8 dos cardeais – o conselho nomeado pelo Papa Francisco para que o ajudasse na reforma da cúria romana e no governo da Igreja universal. É o segundo encontro formal do “conselho” do Papa, coordenado pelo hondurenho Óscar Andrés Rodríguez Maradiaga e composto por Giuseppe Bertello (único italiano e único curial presente), Francisco Javier Errázuriz Ossa (único emérito do grupo), Oswald Gracias, Reinhard Marx, Laurent Monsengwo Passinya, Sean Patrick O’Malley e George Pell. A função do secretário é coberta pelo bispo de Albano, MarcelloSemeraro.

 
Fonte: http://bit.ly/1k1Axxj  

A reportagem é de Andrea Tornielli e publicada no sítio Vatican Insider, 02-12-2013. A tradução é de André Langer.

Nesta segunda sessão serão examinados o trabalho e as competências das congregações vaticanas (não dos Pontifícios Conselhos). Um tema que foi apenas tocado em outubro, devido ao tempo dedicado ao Sínodo e ao estudo sobre a possível reforma da Secretaria de Estado. O trabalho destes três dias (prevê-se que o Papa esteja presente em toda a reunião, exceto na quarta-feira pela manhã, dia da Audiência Geral) estará relacionado com o exame das propostas sobre os principais “ministérios” da Santa Sé.

Todavia, não foram analisadas em profundidade as possíveis fusões dos Pontifícios Conselhos, dos quais, além disso, já falaram alguns dos membros do C-8 em diferentes entrevistas. Os oito cardeais voltarão a se reunir em uma terceira ocasião nos dias 17 e 18 de fevereiro, antes do consistório, para a criação de novos cardeais, que Francisco celebrará no dia 22 do mesmo mês (festa da Cátedra de São Pedro). Isto significa que para essas datas se enviarão aos cardeais de todo o mundo algumas diretrizes para a reforma da cúria romana.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O C-8 dos cardeais examina os dicastérios vaticanos - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV