Papa na Suécia: valor dos ingressos vendidos para o estádio de Malmö será doado à Síria

Revista ihu on-line

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Grande Sertão: Veredas. Travessias

Edição: 538

Leia mais

Mais Lidos

  • Comunhão na Igreja dos EUA ''já está fraturada''. Entrevista com Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • A disrupção é a melhor opção para evitar um desastre climático, afirma ex-presidente irlandesa

    LER MAIS
  • “Sim, nós podemos combater as desigualdades”. Entrevista com Thomas Piketty

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

24 Outubro 2016

A renda obtida com a venda dos bilhetes de entrada para o estádio de Malmö, na Suécia – onde, no dia 31 de outubro, será realizada a comemoração pública dos 500 anos da Reforma de Lutero –, será doada para apoiar a população de Aleppo, na Síria, e em favor dos refugiados sírios na Jordânia.

A reportagem é da agência Servizio Informazione Religiosa (SIR), 21-10-2016. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

É o primeiro ato de solidariedade concreta que nasce da colaboração entre a Caritas Internationalis e do World Service, o braço operacional da Federação Luterana Mundial para intervenções de solidariedade no mundo.

O anúncio foi feito por Adriana Arrieta, da Caritas Internationalis, em um encontro que ocorreu nessa sexta-feira em Roma por iniciativa da Pontifícia Universidade da Santa Cruz, em preparação para a viagem do Papa Francisco à Suécia.

A comemoração comum luterano-católica do quinto centenário da Reforma de Lutero será realizada no dia 31 de outubro, primeiro, na Catedral de Lund (no sul da Suécia) e, depois, no estádio de Malmö, com o lema "Together in hope" [Juntos na esperança].

A arena de Malmö pode acolher 10 mil pessoas, e o bilhete foi vendido a um custo de 10 euros. São dois os projetos escolhidos pela Cáritas e pelo World Service: a primeira optou por doar os lucros a um projeto de educação dirigido às crianças de Aleppo. Os luteranos, por sua vez, vão doar a quantia a um projeto já em curso destinado aos refugiados sírios na Jordânia.

Durante o evento público, o secretário-geral da Caritas Internationalis e o seu referente do World Service assinarão uma Declaração de Intenções que sancionará a relação de colaboração futura e cada vez mais estreita entre esses dois órgãos.

Embora existam, em diferentes níveis, especialmente locais, iniciativas de compromisso comum, essa declaração sanciona, de modo formalizado, essa colaboração.

Na arena de Malmö, depois da saudação de boas-vindas, os participantes poderão acompanhar ao vivo a oração ecumênica comum que será realizada na catedral luterana de Lund. Depois da chegada ao estádio do Papa Francisco e dos líderes luteranos, será apresentada uma série de testemunhos de compromisso pela paz em várias partes do mundo sob o sinal do lema escolhido para o evento, "Juntos na esperança".

Tomarão a palavra Dom Hector Fabio Henao, que falará sobre o processo de paz na Colômbia; Marguerite Barankitse, do Burundi, hoje refugiada em Ruanda, que falará sobre o seu compromisso com a paz entre os hutu e os tutsi e sobre a sua associação de ajuda às crianças; Dom Antoine Audo, por sua vez, trará o seu testemunho como bispo de Aleppo; Rose Lokonyen, refugiada do sul do Sudão, que foi a porta-bandeira das últimas Olimpíadas do Rio da equipe olímpica dos refugiados; e Pranita Biswasi, ativista indiana pelo ambiente.

Leia mais:

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Papa na Suécia: valor dos ingressos vendidos para o estádio de Malmö será doado à Síria - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV