Morre por coronavírus o ex-embaixador iraniano no Vaticano

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “O mercado não é Deus e a meritocracia é apenas um grande blefe”, desabafa banqueiro italiano

    LER MAIS
  • Agronegócio pode ter infectado 400 mil trabalhadores no Brasil por Covid-19

    LER MAIS
  • Meio bilhão de cristãos pedem que G20 reforme a atual arquitetura econômica

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


28 Fevereiro 2020

Os sites de informações do Irã relatam nas últimas horas que Hadi Khosroshahi, ex-chefe do escritório de representação do Irã no Cairo, Egito (2001 -2004), e conselheiro diplomático do governo, morreu em decorrência de infecção por coronavírus. O diplomata Hadi Khosroshahi havia sido o primeiro embaixador do Irã no Vaticano após a revolução de 1979.

A informação é publicada por Il sismografo, 27-02-2020. A tradução é de Luisa Rabolini.

As notícias também informam que a vice-presidente iraniana Masoumeh Ebtekar está positivada para o teste de coronavírus. A mídia iraniana relatou o resultado. Ebtekar, vice-presidente encarregada de acompanhar os Assuntos da família e das mulheres, é a terceira funcionária iraniana a contrair coronavírus, depois do vice-ministro da Saúde Iraj Harirchi e do presidente do Comitê de Segurança Nacional e Política Externa do Parlamento Iraniano, Mojtaba Zonnour.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Morre por coronavírus o ex-embaixador iraniano no Vaticano - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV