Bolívia. Nossa Casa Comum em Emergência

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “A mulher precisa, e as religiosas sobretudo, sair daquele papel de que ela é inferior”. Entrevista com a Ir. Maria Freire

    LER MAIS
  • A Economia de Francisco. ‘Urge uma nova narrativa da economia’. A vídeomensagem do Papa Francisco

    LER MAIS
  • Governo Bolsonaro deixa estragar 6,8 milhões de testes de covid-19

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


24 Agosto 2019

"Nós, bispos bolivianos, urgimos às autoridades do Governo Nacional a aumentar esforços para deter esse grave problema, com respostas eficazes e um manejo transparente e responsável da informação", afirma a Conferência Episcopal Boliviana em comunicado que cobra novos esforços para deter os incêndios na floresta amazônica e anuncia medidas para o apoio às populações atingidas pelas queimadas.

A informação é de Micaela Diniz, publicada por Iglesia Viva, 22-08-2019. A tradução é de Wagner Fernandes de Azevedo.

A Conferência Episcopal Boliviana expressa seu sentimento pelo desastre natural que vem ocorrendo na região amazônica do país, em função dos incêndios florestais e faz um chamado urgente para se somar à Campanha de coleta de água, alimentos, medicamentos ou recursos econômicos para atender aos irmãos afetados. Essa campanha se realizará a partir de 22-08-2019, pela Pastoral Social Cáritas, nos âmbitos nacional, jurisdicional e paroquial. Os aportes econômicos serão recebidos na Conta Corrente, em Moeda Nacional do Banco Nacional da Bolívia, Nº 1000263725, em nome da Cáritas Boliviana.

Eis o comunicado.

Nossa Casa Comum em Emergência

“A criação inteira sofre as dores do parto” (Cf. Romanos 8, 22)

Escutando o clamor da natureza, unidos a dor e impotência das cidadanias e as vozes que já se manifestaram na sociedade e em várias jurisdições eclesiásticas, a Secretaria Geral da Conferência Episcopal Boliviana expressa seu sentimento pelo desastre natural que vem ocorrendo na região amazônica do país, em razão dos incêndios florestais. Numerosas imagens e testemunhos registram bosques devastados, animais que pereceram e populações ameaçadas.

As consequências para a perda da biodiversidade, o dano à natureza assim como para a saúde das pessoas, são incalculáveis e, em muitos casos, irreparáveis.

Ponderamos as ações solidárias já empreendidas e, do mesmo modo, fazemos um urgente chamado a somarem-se à Campanha de Coleta de água, alimentos, medicamentos e/ou contribuições em dinheiro para atender aos irmãos afetados. Essa campanha se realizará a partir da data, através da Pastoral Social Cáritas, braço social da Igreja Católica na Bolívia, nos âmbitos nacional, jurisdicional e paroquial, de modo que todos os que queiram colaborar possam fazer chegar suas contribuições rapidamente. As contribuições serão recebidas na Conta Corrente, em pesos bolivianos, do Banco Nacional da Bolívia Nº 1000263725, em nome da Cáritas Boliviana.

Em sintonia com numerosas vozes da sociedade, também urgimos às autoridades do Governo Nacional a aumentar esforços para deter esse grave problema, com respostas eficazes e um manejo transparente e responsável da informação. Por agora, consideramos que as ações e os tempos empregados não sejam proporcionais, nem adequados à magnitude da tragédia que enfrentamos. Nessa linha consideramos que é necessária a declaração de área de desastre nacional e que não se exclua, inclusive, a possibilidade de recorrer à ajuda internacional.

Em coerência com nossa missão profética pedimos às instâncias correspondentes uma investigação imparcial e transparente das causas desses desastres que estabeleça a verdade dos fatos, responsabilidades, sanções e correções necessárias para costurar, ao menos parcialmente, os danos causados e preveni-los no futuro.

Nos unimos também ao chamado a uma Jornada de Oração no próximo domingo, 25 de agosto, convocando a todas as jurisdições eclesiásticas a se unir às iniciativas solidárias e ao pedido da chuva para aplacar os incêndios.

Que o Senhor da Criação perdoe nossos pecados de ofensa à natureza, e nos presenteie com uma consciência mais clara e comprometida com o cuidado da Casa Comum.

La Paz, 22 de agosto de 2019

Secretaria Geral da Conferência Episcopal Boliviana

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Bolívia. Nossa Casa Comum em Emergência - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV