Católicos conservadores lançam conferência alternativa sobre casamento e família na Irlanda

Revista ihu on-line

A fagocitose do capital e as possibilidades de uma economia que faz viver e não mata

Edição: 537

Leia mais

Juventudes. Protagonismos, transformações e futuro

Edição: 536

Leia mais

No Brasil das reformas, retrocessos no mundo do trabalho

Edição: 535

Leia mais

Mais Lidos

  • Instrumentum Laboris do Sínodo para a Amazônia, um novo passo de “um 'kairós' para a Igreja e o mundo”

    LER MAIS
  • “Minha filha trans e católica é uma prova viva de como o Vaticano está errado em relação ao gênero”

    LER MAIS
  • “O Judiciário foi usado como vingança e impediu que a democracia siga seu curso”, afirma a antropóloga Lilia Schwarcz

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

17 Junho 2018

A conferência irá focar a Encíclica do Papa Pio XI, que antecipa Humanae Vitae através de seu ensino sobre o casamento, procriação e contracepção.

A reportagem é de Sarah Mac Donald, publicada por The Tablet, 15-06-2018. A tradução é de Victor D. Thiesen.

Conservadores farão uma “Conferência de Famílias Católicas” de dois dias em Dublin. A iniciativa vem em reposta ao Encontro Mundial das Famílias programado para agosto.

O Instituto Lumen Fidei está dando suporte à conferência cujo foco será sobre a Encíclica Casti Connubii do Papa Pio XI que antecipa Humanae Vitae através de seu ensino sobre casamento, procriação e contracepção.

Programas de preparação para o Encontro Mundial das Famílias e muitas das palestras do evento de três dias (22-24 de agosto) tomaram como tema a exortação apostólica do Papa Francisco, Amoris Laetitia.

O diretor do Instituto Lumen Fidei, Anthony Murphy, disse que "nós pensamos que o melhor serviço que podemos dar é tentar explicar os belos ensinamentos da Igreja de forma clara e aberta e direta."

Um local estratégico foi escolhido próximo ao Encontro Mundial de Famílias para facilitar aqueles que desejam ir até a Conferência do Lumen Fidei. Lá o público ouvirá o cardeal Raymond Burke através de vídeo e o bispo cazaquistanês Athanasius Schneider, ambos críticos proeminentes do Papa Francisco.

Estarão presentes outros oradores como o padre Thomas Weinandy, dr. Robert Royal, dr. Gerard van den Aardweg, professor Stephane Mercier e John Smeaton.

"Queremos um evento católico com especialistas em famílias católicos que contribuíram ao longo dos anos às famílias pro-apostolados", disse Murphy.

Em relação ao convite do padre jesuíta James Martin, para falar no Encontro Mundial sobre como paróquias podem chegar aos católicos LGBT, Anthony Murphy disse que se a Igreja da Irlanda quisesse chegar aos "homossexuais – pessoas de mesmo sexo atraídas de forma genuína", o arcebispo Diarmuid Martin, que é presidente do evento, deveria ter convidado "um apostolado como Courage, que trata sobre o assunto há mais tempo que esse padre em busca de publicidade."

Courage International é um apostolado aprovado da Igreja Católica que aconselha homens e mulheres com atração pelo mesmo sexo a viverem castos em comunhão, verdade e amor. Baseado em um modelo de tratamento para viciados em drogas e álcool usado em programas como o Alcoólicos Anônimos (AA), Courage é executado num programa de 12 passos, destinado a ajudar as pessoas homossexuais a permanecerem em abstinência de sexo.

"Acho que qualquer católico fiel ficaria profundamente decepcionado de ter alguém que causou tanta confusão com suas diversas intervenções e tanto mal para o corpo da Igreja", disse Anthony Murphy em relação aos esforços de James Martin para construir uma ponte entre a Igreja institucional e a comunidade gay.

"Falei com muitos padres na Irlanda, na América e na Inglaterra, que não conseguem acreditar que um homem desses seja convidado com aprovação do Vaticano. Tudo o que podemos dizer é que este homem não representa o ensinamento da Igreja e que ele é fortemente influenciado pelo lobby homossexual anti-católico."

Em entrevista à revista America, James Martin afirmou que o convite para falar no Encontro Mundial das Famílias 2018 é uma mensagem aos católicos LGBT, "vocês são uma parte importante da Igreja." 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Católicos conservadores lançam conferência alternativa sobre casamento e família na Irlanda - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV