Papa nomeia brasileiro para Relator Geral do Sínodo dos Jovens e um jesuíta e salesiano como Secretários Especiais

Revista ihu on-line

Base Nacional Comum Curricular – O futuro da educação brasileira

Edição: 516

Leia mais

Renúncia suprema. O suicídio em debate

Edição: 515

Leia mais

Lutero e a Reforma – 500 anos depois. Um debate

Edição: 514

Leia mais

Mais Lidos

  • “O grande erro da esquerda é pensar que movimentos sociais são sempre bons", afirma Manuel Castells

    LER MAIS
  • Um milhão de crianças fora da escola: o absurdo do trabalho infantil no Brasil

    LER MAIS
  • Discurso da esquerda não dá a Lula a menor chance de fazer bom governo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

19 Novembro 2017

O cardeal Sérgio Rocha, arcebispo de Brasília e Presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, será o Relator Geral do Sínodo 2018 dedicado aos jovens. Juntamente com ele haverá dois Secretários Especiais: Padre Giacomo Costa e Padre Rossano Sala. A nomeação do Papa Francisco foi anunciada na manhã de hoje, ao término da reunião do Conselho da Secretaria Geral do Sínodo dos Bispos, realizada nos dias 16 e 17 de novembro.

A informação é da agência ACI, 18-11-2017. A tradução é de IHU On-Line.

O Cardeal Sérgio Rocha foi criado cardeal pelo Papa Francisco no terceiro consistório realizado no dia 19 de novembro de 2016.

Padre Giacomo Costa, jesuíta, é diretor desde 2010, da revista Aggiornamenti Sociali, e foi um dos conselheiros consultados quando foi redigida a encíclica Laudato Si’.

Padre Rossano Sala, salesiano, é professor de Teologia Pastoral na Pontifícia Universidade Salesiana de Roma. Os salesianos, muito ativos no campo da pastoral da juventude, estão promovendo uma série de iniciativas em preparação do Sínodo dos jovens.

Padre Giacomo Costa, master em Sociologia Política, orientado por Luc Boltanski

A revista Aggiornamenti Sociali, com sede em Milão, Itália, emitiu uma nota, na manhã de hoje, manifestando sua “alegria e gratidão pela notícia, publicada hoje pelo Vaticano, da nomeação do próprio diretor, padre Giacomo Costa, como Secretário especial da XV Assembleia Geral ordinária do Sínodo dos Bispos, programado para outubro de 2018, sobre o tema “Os jovens, a fé e o discernimento vocacional”.

Giacomo Costa, nasceu em Gênova, em 1967, depois da láurea em DAMS-Musica pela Universidade de Bolonha e o serviço civil junto à Associação San Marcellino para os sem teto. Entrou na Companhia de Jesus em 1992. Além dos estudos em filosofia e teologia, conseguiu um master em Sociologia política e moral com Luc Boltanski (1), na EHESS (Ecole d’Etudes em Sciences Sociales) de Paris, vivendo e trabalhando ao mesmo tempo na periferia da cidade, em Saint-Denis.

Depois de um biênio no Instituto de formação política Pedro Arrupe, em Palermo, em 2005 começa a fazer parte da redação de Aggiornamenti Sociali, tornando-se diretor responsável em 2010, sucedendo ao padre Bartolomeu Sorge. É também presidente da Fundação Cultural San Fedele de Milão e vice-presidente da Fundação Carlo Maria Martini.

Durante o ano de 2017, padre Costa foi chamado pela Secretaria geral do Sínodo a colaborar nas fases preparatórias.

No número de abril deste ano, na revista Aggiornamenti Sociali, publicou o editorial “Deixar espaço aos jovens: um Sínodo que interroga a todos”.

Nota

1.- Luc Boltanski, juntamente com Ève Chiapello, é autor do importante livro Le Nouvel Esprit du Capitalisme, Gallimard, Paris: 1999, 843pp. A Martins Fontes publicou a tradução brasileira do livro. (Nota de IHU On-Line)

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Papa nomeia brasileiro para Relator Geral do Sínodo dos Jovens e um jesuíta e salesiano como Secretários Especiais - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV