Pondo um fim no clericalismo

Revista ihu on-line

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Mais Lidos

  • Os bispos do Sínodo farão um novo “Pacto das Catacumbas” para a Amazônia

    LER MAIS
  • A ideologização da Sociologia (além de uma simples distração). Artigo de Carlos Gadea

    LER MAIS
  • Críticos não percebem a importância global do Sínodo da Amazônia, afirma Peter Hünermann

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

20 Setembro 2018

La Croix identificou uma série de dez meios para combater o clericalismo.

A reportagem é de Dominique Greiner, padre, redator-chefe do jornal La Croix, publicada por La Croix Internacional, 19-09-2018. A tradução é de Victor D. Thiesen.

Cardeais participando do 41º Congresso Eucarístico
Internacional na Filadélfia, Pensilvânia
(Foto: Arquivos Nacionais dos EUA / PD)

Em sua “Carta ao Povo de Deus” do dia 20 de agosto, o Papa Francisco apelou à comunidade de fiéis que “dissesse um enfático 'não' a todas as formas de clericalismo” em uma tentativa de combater a lei do silêncio, em relação ao abuso sexual cometido pelo clero, que tem prevalecido por muito tempo na Igreja.

Esta guerra contra o clericalismo, de fato, tem sido uma peça fundamental do programa para seu pontificado desde sua exortação apostólica, “Evangelii Gaudium”.

Lá, ele condenou uma forma de governo que mantém os leigos "longe da tomada de decisões" e os impede de encontrar seu próprio papel na vida das comunidades locais.

“Os padres querem clericalizar os leigos e os leigos querem ser clericalizados para facilitar as coisas”, disse ele ao La Croix em uma entrevista em 2016.

Mas como acabar com isso? No final de agosto, La Croix propôs “Dez caminhos para combater o clericalismo”, que serão publicados no La Croix International nos próximos dias.

Esses artigos nos trouxeram uma correspondência abundante. Leitores de todo tipo de vida - leigos, sacerdotes, diáconos, religiosos - procuraram contribuir para o debate, compartilhando espontaneamente conosco, enquanto outros respondiam a questionários on-line.

Também fornecemos um espaço significativo para comentários e propostas dos leitores.

Esta riqueza de material recebeu testemunhos do fato de que o clericalismo, que se revela de várias maneiras, é verdadeiramente uma ferida na Igreja que requer cura.

No entanto, os católicos estão longe de se resignarem com a questão.

O apego deles à Igreja, que eles desejam tornar cada vez mais fiel ao Evangelho, é evidente em suas mensagens.

A exigência recorrente de que os leigos tenham mais envolvimento na governança eclesial ilustra seu desejo de reconhecimento da maturidade de sua fé.

Finalmente, o leque de propostas mostra claramente que a batalha contra o clericalismo está sendo travada em muitas frentes. Mas ela não será breve.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Pondo um fim no clericalismo - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV