A Criação em foco: vida nova na horta

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • Pornô e sedução em contexto de vida religiosa

    LER MAIS
  • Padres da Caminhada & Padres contra o Fascismo emitem nota de solidariedade à Via Campesina, MST, Dom Orlando Brandes, CNBB e Papa Francisco

    LER MAIS
  • “Devemos conceber o catolicismo de outra maneira”. Entrevista com Anne-Marie Pelletier

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


01 Setembro 2020

Durante este Tempo da Criação, o fotógrafo Paul Jeffrey nos leva pelo mundo “A Criação em foco” com sua câmera e sua fé.

A reflexão é de Paul Jeffrey, cofundador da organização Life on Earth Pictures, publicada por National Catholic Reporter, 31-08-2020. A tradução é de Wagner Fernandes de Azevedo.


Rhoda Nyoni carrega seu filho Moisés às costas enquanto irriga uma horta comunitária em Kayeleka Banda, Malawi. Foto: Paul Jeffrey | NCR

A Criação significa vida nova, cíclica e repetidamente. Vejo nesta imagem de Rhoda Nyoni, que carrega nas costas seu filho Moisés enquanto irriga uma horta comunitária em Kayeleka Banda, Malawi. Nyoni está grávida, e um programa da Igreja trabalha com ela e outras mulheres da aldeia para que elas e seus filhos recebam um apoio nutricional e atenção sanitária.

Não se pode separar o cuidado do planeta do cuidado da saúde e da dignidade das pessoas e das famílias. A agricultura sustentável e respeitosa com o meio-ambiente contribui para o bem-estar, tanto dos que cultivam os alimentos como de quem os consome. Se buscamos o verdadeiro empoderamento das mulheres e a proteção das crianças, temos que assumir compromissos pessoais, comunitários e políticos para trabalhar por um mundo saudável no qual as famílias podem prosperar.

A pandemia do coronavírus revelou nossa própria fragilidade e as desigualdades de nossas sociedades. No entanto, ressaltou também nossa interdependência, entre as pessoas e com os ecossistemas da Terra. Este Tempo da Criação nos dá a oportunidade de renovar nossa relação com toda a Criação, refletir sobre nosso uso dos recursos finitos do planeta, rezar por nossa cura e a do mundo, e nos comprometermos com viver em sintonia com a Terra.

Curar o planeta não é uma vocação elitista que ignora temas como a justiça e a marginalidade. A doutrina social da Igreja deixa claro que é uma luta. A “justiça ambiental” é um conceito amplo que nos desafia a encarnar em cada comunidade a abundância de vida que os Evangelhos nos prometem.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

A Criação em foco: vida nova na horta - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV