RS tem quase 100 mil pessoas que procuram emprego há pelo menos dois anos

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • Os católicos ainda leem? Sinodalidade e a “Igreja que escuta” nesta era digital. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • Estou obcecado pelo Evangelho. O Evangelho não é Religião. Artigo de José María Castillo

    LER MAIS
  • Tenho medo dos padres

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


22 Julho 2019

O Rio Grande do Sul tinha, no primeiro trimestre, 98 mil trabalhadores que conviviam com a fila do desemprego há pelo menos dois anos. O número de pessoas nessa situação é o mais elevado desde o início da série histórica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), iniciada em 2012.

A reportagem é de Leonardo Vieceli, publicada por Zero Hora, 21-07-2019.

O longo tempo destinado à procura por trabalho representa um dos tantos sintomas da crise econômica. Em relação ao primeiro trimestre de 2018, a quantidade de desempregados há dois anos ou mais cresceu 19,8%. Ou seja, no intervalo de um ano, o grupo teve o reforço de mais 16 mil pessoas.

A íntegra da reportagem pode ser lida aqui.

Leia mais

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

RS tem quase 100 mil pessoas que procuram emprego há pelo menos dois anos - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV