Mudanças climáticas podem deixar Terra igual a Vênus, alerta Stephen Hawking

Revista ihu on-line

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Mais Lidos

  • Irmã Dulce, símbolo de um Brasil que está se esquecendo dos pobres. Artigo de Juan Arias

    LER MAIS
  • Aos 15 anos da morte do filósofo francês Jacques Derrida, o último subversivo

    LER MAIS
  • “A ética do cuidado é um contrapeso ao neoliberalismo”. Entrevista com Helen Kohlen

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

04 Julho 2017

O renomado físico britânico Stephen fez duras críticas ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e repetiu alertas a respeito dos perigos das mudanças climáticas.

A reportagem é publicada por BBC Brasil, 03-07-2017.

"Ao negar a existência do aquecimento global e abandonar o Acordo Climático de Paris, Donald Trump vai causar um dano inevitável ao nosso lindo planeta, ameaçando a natureza, para nós e para nossas crianças", afirmou.

"As ações de Trump podem levar a Terra à beira do abismo e transformá-la em Vênus, com uma temperatura de 250ºC e chuva de ácido sulfúrico", disse ele à BBC em Cambridge, após participar de um evento de comemoração ao seu aniversário de 75 anos.

Vênus, o segundo planeta do Sistema Solar a partir do Sol, é uma terra de extremos: quente, seco, de atmosfera composta basicamente de dióxido de carbono e superfície coberta por nuvens de ácido sulfúrico. O temor de Hawking é de que nossas circunstâncias na Terra fiquem cada vez mais parecidas a essas condições inóspitas.

"Estamos em um ponto crítico no qual o aquecimento global vai se tornar irreversível", alertou o cientista. Segundo Hawking, essa é “uma das maiores ameaças que enfrentamos e que podemos prevenir se agirmos agora".

Questionado sobre qual seria seu sonho atualmente, Hawking afirmou: "a cura para a Esclerose Lateral Amiotrófica - ou, pelo menos, uma interrupção em seu avanço".

"Quando fui diagnosticado aos 21 anos, me disseram que eu morreria (da doença) em dois ou três anos”, disse. "Agora, 54 anos depois, embora fraco e em uma cadeira de rodas, estou trabalhando e produzindo artigos científicos.”

Segundo Hawking, “tem sido um grande desafio, que eu só consegui superar com muita ajuda da minha família, colegas e amigos".

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Mudanças climáticas podem deixar Terra igual a Vênus, alerta Stephen Hawking - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV