50% dos infectados no Rio Grande do Sul têm entre 20 e 49 anos

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • Uma visão do suicídio no Brasil em resposta à outra visão apresentada

    LER MAIS
  • "É hora de reaprender a arte de sonhar com os xamãs nativos"

    LER MAIS
  • Não tenho nenhuma esperança de que o Governo Bolsonaro ainda se empenhe em transmutar sua visão a respeito da Amazônia. Entrevista com Dom Erwin Krautler

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Por: João Conceição e Marilene Maia | 07 Abril 2020

A Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul divulgou o registro de 481 casos confirmados do novo coronavírus no estado, além de oito mortes até o final da manhã de segunda-feira (6). O primeiro caso de Covid-19, no estado, aconteceu no dia 29 de fevereiro, após 3 dias do primeiro caso confirmado no Brasil.

A Secretaria Estadual de Planejamento, Orçamento e Gestão - Seplag do Rio Grande do Sul publicou no dia 17 de março um estudo prospectando o desenvolvimento do novo coronavírus no estado depois de 20 dias, ou seja, no dia 6 de abril. Três foram as indicações feitas a partir das experiências dos outros países.

Uma das estimativas era de que o número de infectados pelo coronavírus seria de 4.340 casos a partir do ritmo da Coreia do Sul, Itália e Irã. A segunda indicação foi de que o Rio Grande do Sul teria, em proximidade com o cenário da Alemanha, Espanha e França, 3.533 casos infectados. A terceira prospecção, na velocidade japonesa, apontou 245 casos.

No confronto desses dados pela Seplag e confirmados pela Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul, foram identificados que a fase moderada do vírus no estado foi superada por 236 casos a mais do estimado.

Em relação ao perfil da população, observa-se que a maior parte dos infectados, 36% dos casos, estão na faixa etária entre 30 e 49 anos de idade. Se incluir a este grupo os jovens de 20 a 29 anos, a faixa etária de 20 a 49 anos passa a representar 49,9% dos casos no Rio Grande do Sul. A faixa etária de 50 a 59 anos representa 15,2% dos casos e os infectados de 60 anos ou mais representam 32,2%. 

Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, representa 53,2% dos casos do estado com 256 infectados. A Região Metropolitana de Porto Alegre, que inclui 34 municípios, tem 16 municípios com casos, representando 69% dos casos do Rio Grande do Sul. A mortalidade pela Covid-19 no estado ocorreu exclusivamente na Região Metropolitana de Porto Alegre, sendo 5 pessoas em Porto Alegre, 2 em Novo Hamburgo e 1 em Ivoti, totalizando 8 pessoas.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

50% dos infectados no Rio Grande do Sul têm entre 20 e 49 anos - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV