Papa e seu conselho de cardeais debatem uma maior participação de leigos e leigas

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • Mais de 50 mil assinaturas exigem proteção para o Padre Júlio Lancellotti

    LER MAIS
  • Massacragem dos Chiquitanos vai à ONU. Artigo de Aloir Pacini

    LER MAIS
  • Um confinamento frutífero: em que o papa Francisco trabalhou durante a pandemia?

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


05 Dezembro 2019

O Papa Francisco e o seu Conselho dos Cardeais revisaram alguns aspectos do esboço da constituição apostólica que administrará a Cúria Romana. Entre os temas discutidos esteve uma maior participação dos leigos e leigas.

A reportagem é de Junno Arocho Esteves, publicada por Catholic News Service, 04-12-2019. A tradução é de Isaque Gomes Correa.

A Sala de Imprensa do Vaticano publicou uma nota, em 4 de dezembro, segundo a qual o conselho também debateu a relação entre a Cúria – o centro administrativo da Igreja – e as conferências episcopais ao redor do mundo.

“A atividade do Conselho ateve-se a aprofundar dois aspectos sobre cuja importância o esboço da nova Constituição Apostólica insiste”, diz a nota.

Ela incluiu “as relações entre a Cúria e as Conferências Episcopais e a presença dos fiéis leigos, homens e mulheres, nos papéis decisórios nos departamentos da Cúria e nos outros organismos da Igreja, e a estudar as bases teológico-pastorais destes aspectos”.

Os membros do conselho se reuniram entre os dias 2 e 4 de dezembro, e Francisco se fez presente, exceto quando houve conflito de horários com outras programações.

O Vaticano informou que os membros também se encontraram com o Cardeal Michael Czerny, subsecretário da Seção para os Migrantes e Refugiados do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral, quem entregou um relatório sobre o recente Sínodo dos Bispos para a Amazônia.

Czerny, junto com o bispo da diocese peruana de Puerto Maldonado, Dom David Martinez de Aguirre Guinea, serviu como secretário especial para o sínodo deste ano.

Além disso, o Conselho dos Cardeais ouviu “algumas considerações” trazidas pelo cardeal-arcebispo de Boston, o Cardeal Sean P. O’Malley, sobre a “elaboração do documento pós-sinodal”.

Com respeito à constituição apostólica proposta, provisoriamente intitulada Praedicate Evangelium (Pregai o Evangelho), o conselho continuou a receber “sugestões” para o novo documento.

Segundo o Vaticano, o papa e o Conselho dos Cardeais irão continuar a “ler e avaliar” as propostas no próximo encontro do grupo, marcado para fevereiro.

Todos os seis membros do conselho estiveram presentes na reunião deste mês: o Cardeal Pietro Parolin, secretário do Estado do Vaticano; os cardeais O’Malley; Oscar Rodriguez Maradiaga, de Tegucigalpa, Honduras; Oswald Gracias, de Mumbai, na Índia; Reinhard Marx, de Munique e Freising, na Alemanha; e Giuseppe Bertello, presidente da comissão governante da Cidade do Estado do Vaticano. Igualmente presente esteve o secretário do conselho, Dom Marcello Semeraro, da Diocese de Albano, na Itália.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Papa e seu conselho de cardeais debatem uma maior participação de leigos e leigas - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV