40 dias pelo Rio: Navegando juntos a boa nova de Deus a caminho do Sínodo Amazônico - 39º dia

Amanhecer no Xingu | Foto: Ricardo Stuckert

04 Outubro 2019


 

 

Dia 39 de Navegação - 04 de Outubro
Petição permanente para o Sínodo Amazônico no início de cada dia:

“Que o Deus da vida e da beleza, o Espírito Santo que nos impulsiona para mais fraternidade, unidade e dignidade, o Cristo encarnado da Boa Nova, da inculturação e da interculturalidade nos proporcionem serenidade, discernimento e coragem para encontrar novos caminhos para a Igreja e para uma ecologia integral neste Sínodo Amazônico. Tudo isso para o bem e a vida de seus povos e comunidades, e para caminhar mais juntos pelo Reino”.

Medite por alguns momentos neste pedido inicial, busque a calma interior para entrar neste momento para navegar pelas águas da Amazônia e a vida da Igreja a serviço de seus povos e comunidades, e para ouvir o chamado de Deus através de sua palavra viva. 

Leitura do dia (cada um e cada uma são convidados a aprofundar a leitura completa de acordo com suas próprias necessidades e critérios):

“Ai de ti, Corazim! Ai de ti, Betsaida! Se em Tiro e Sidônia se tivessem realizado os milagres feitos no meio de vós, há muito tempo teriam demonstrado arrependimento, vestindo-se de saco e sentando-se sobre a cinza. Pois bem: no dia do julgamento, Tiro e Sidônia terão uma sentença menos dura do que vós. E tu, Cafarnaum, serás elevada até o céu? Até o inferno serás rebaixada! Quem vos escuta, a mim escuta; e quem vos despreza, a mim despreza; ora, quem me despreza, despreza Aquele que me enviou”. Lucas 10, 13-16.

Reflexão sob a perspectiva do Sínodo Amazônico: Na Amazônia, estão sendo vividos momentos de grande esperança, apesar dos fortes sinais de dor que atormentam sua caminhada todos os dias. A Igreja neste território é profundamente frágil diante dos sinais dos tempos, e nela está sua força para se renovar do menor e encontrar a fonte da vida que é o Cristo que nasceu nas margens. Um Jesus que se tornou um conosco escolhendo vir nas entranhas de uma mulher simples e do povo, e também em um contexto de periferia, humildade e simplicidade. Algo, ou talvez muito, do que é vivido como Igreja viva, encarnada e profética na Amazônia, deve ser uma fonte de vida para o mundo e para toda a eclesialidade. Talvez seja por isso que algumas das rejeições contra este Sínodo também sejam um desconhecimento do convite de Jesus neste Kairós.

 

Contemplação

Contemplemos a imagem deste dia e tomemos um momento para reconhecer nossa própria vida e experiência na Igreja e ao serviço da Amazônia para pedir luz nesta palavra de Deus em preparação para o Sínodo. Escrever meus pedidos particulares e permanecer neles durante este dia. Convidamos você a manter um registro de tudo o que o Espírito nos provoca como preparação interior para o Sínodo AMAZÔNICO.

 

Citação para fechar a meditação

Papa Francisco. Encontro com os Povos da Amazônia. Puerto Maldonado 2018: Seja-me permitido dizer que se, para alguns, sois considerados um obstáculo ou um «estorvo», a verdade é que vós, com a vossa vida, sois um grito lançado à consciência dum estilo de vida que não consegue medir os custos do mesmo. Vós sois memória viva da missão que Deus nos confiou a todos: cuidar da Casa Comum.

 

Leia mais

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV