Cinco cardeais respondem em um livro as propostas de Kasper sobre a comunhão aos divorciados

Revista ihu on-line

“Raízes do Brasil” – 80 anos. Perguntas sobre a nossa sanidade e saúde democráticas

Edição: 498

Leia mais

Desmilitarização. O Brasil precisa debater a herança da ditadura no sistema policial

Edição: 497

Leia mais

Morte. Uma experiência cada vez mais hermética e pasteurizada

Edição: 496

Leia mais

Mais Lidos

  • Ao desculpar a chicana e consagrar a impunidade, STF apequenou a si próprio e ao Senado

    LER MAIS
  • “Pacote de Sartori transformará o Rio Grande do Sul em um estado zumbi”

    LER MAIS
  • Reforma da Previdência: 'Essa proposta é um verdadeiro tornado antissocial'

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Por: Caroline | 08 Setembro 2014

Não virá a luz antes do dia 07 de outubro, mas já é esperado com expectativa: intitula-se Remaining in the Truth of Christ: Marriage and Communion in the Catholic Church [Permanecendo na Verdade de Cristo: o matrimônio e a Comunhão na Igreja católica], que será publicado em inglês pela prestigiada editora católica Ignatius Press, e constitui uma nova prova da profundidade do debate aberto pelo cardeal Walter Kasper, em fevereiro do ano passado, ao voltar a propor que algumas pessoas divorciadas e que voltaram a se casar no civil possam aproximar-se do sacramento da Comunhão.

A reportagem é publicada por Religón en Libertad, 04-09-2014. A tradução é do Cepat.

Fonte: http://goo.gl/WULsRN

Essas propostas estão incorporadas ao documento de trabalho do Sínodo da Família que irá ocorrer no Vaticano em 2014, o qual disparou todos os alarmes e abriu um profundo debate.

O cardeal Gerhard Müller, prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, que em outubro de 2013 escreveu uma argumentação completa a favor da doutrina da Igreja a partir do Osservatore Romano, continuou essa defesa em um livro-entrevista intitulado La esperanza de la familia.

Do mesmo modo, oito teólogos, sete deles dominicanos, tornaram conhecido o escrito de um grande projeto doutrinal assinalando os perigos e incoerências que implicaria dar a comunhão a pessoas que vivem maritalmente com quem não é realmente seu conjugue perante a Deus.

E agora chega Remaining in the Truth of Christ: Marriage and Communion in the Catholic Church, escrito pelo agostiniano Robert Dorado, OSA, como “resposta em profundidade”, como explica o editorial de cinco cardeais e outros quatro professores “à proposta do cardeal Kasper em relação ao casamento, o segundo matrimônio civil e a recepção da Eucaristia”.

Cinco cardeais

Os cinco cardeais são, além do citado Gerhard Müller, prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé: Raymonde Leo Burke, perfeito da Signatura Apostólica; Walter Brandmüller, presidente emérito do Comitê Pontifício de Ciências Históricas; Carlo Caffarra, arcebispo de Bolonha e um dos teólogos mais próximos a São João Paulo II em questões de moral e família; e Velasio De Paolis, presidente emérito da Prefeitura de Assuntos Econômicos da Santa Sé.

Cinco “pesos pesados” do colégio cardinalício que unem seus estudos aos dos especialistas Robert Dodaro, John Rist, Paul Mankowski e o arcebispo Cyril Vasil, este dois últimos jesuítas.

Além de fundamentar-se no magistério bimilenário da Igreja, o livro recorre à fontes bíblicas  e aos primeiros escritos cristãos sobre o matrimônio, e mostra, como antecipa Ignatius Press, “como a permanente fidelidade da Igreja à verdade sobre o matrimônio é o fundamento irrevogável de sua misericórdia em sua pastoral com as pessoas em segundo matrimônio”.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Instituto Humanitas Unisinos - IHU - Cinco cardeais respondem em um livro as propostas de Kasper sobre a comunhão aos divorciados