OMS prepara novas recomendações sobre consumo de açúcar

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • O papa que acusa os conspiradores já colocou em campo as tropas para neutralizá-los

    LER MAIS
  • Salvar-se por mais 40 anos. Artigo de Stefano Mancuso

    LER MAIS
  • Por que refundar a ideia de tolerância. Artigo de Paul Ricoeur

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


08 Março 2014

Agência da ONU realiza consultas públicas sobre diretrizes para ajudar a reduzir casos de obesidade e de cáries; proposta ressalta benefícios do açúcar como 5% do valor energético diário.

A reportagem é de Leda Letra e foi publicada na rádio ONU, 06-03-2014.

A Organização Mundial da Saúde, OMS, está preparando uma nova recomendação sobre os limites do consumo diário de açúcar. A indicação atual, de 10% do valor total de energia, deve ser mantida, mas o novo documento vai mostrar os benefícios de se consumir menos da metade do total.

Segundo a agência da ONU, 5% do valor energético diário consumido por uma pessoa corresponde a 25 gramas de açúcar, ou seis colheres de chá.

Sucos e Mel

A recomendação da OMS para os países busca reduzir problemas de saúde como obesidade e cáries. Segundo a agência, os limites do consumo de açúcar serão aplicados para produtos com glucose e frutose, açúcar de mesa, mel, xaropes, sucos de frutas e concentrados.

Boa parte do açúcar consumido pelas pessoas está “escondido” em alimentos processados, alerta a OMS. Uma colher de ketchup tem o equivalente a uma colher de chá de açúcar e uma lata de refrigerante comum tem até 40 gramas de açúcar, ou 10 colheres de chá.

Consulta Pública

O esboço da nova proposta está aberto para consultas públicas até o final deste mês. Qualquer pessoa ou especialista pode enviar à agência seus comentários sobre o documento. A última vez que a OMS lançou recomendações sobre o consumo diário de açúcar foi em 2002.

Quando a nova recomendação ficar pronta, ela poderá ser utilizada como referência para avaliar o consumo de açúcares e por políticas e programas de saúde que visem reduzir a ingestão do produto.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

OMS prepara novas recomendações sobre consumo de açúcar - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV