Reitor é nomeado arcebispo

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • Santa Teresa de Jesus: inquieta, andarilha, desobediente e muito mais...

    LER MAIS
  • COP26. Kerry reduz as expectativas sobre a cúpula de Glasgow: “Rumo a compromissos ainda insuficientes para alcançar…”

    LER MAIS
  • Diocese Anglicana no Paraná sagrará bispa coadjutora em Curitiba

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Por: Jonas | 17 Mai 2013

O papa Francisco premiou, nesta segunda-feira (13/05), o reitor da Universidade Católica Argentina (UCA), o sacerdote Víctor Manuel Fernández (foto), com o título de “arcebispo”. Por ele, o então cardeal Jorge Bergoglio precisou interceder ao Vaticano para que, em 2011, pudesse assumir esse cargo que exercia dois anos antes.

A reportagem é publicada no sítio Religión Digital, 13-05-2013. A tradução é do Cepat.

 
Fonte: http://goo.gl/uvvMp  

A informação da nomeação deste teólogo, de 54 anos, foi confirmada oficialmente em Roma e Buenos Aires. Aqui (na Argentina), foi anunciada pelo núncio apostólico dom Paul Tscherrig, por meio da agência católica AICA. Fernández é o quinto reitor da UCA, uma instituição criada há 54 anos e que hoje conta com 21.000 alunos.

Em maio de 2011, ao assumir formalmente o cargo, Fernández apresentou seu projeto institucional, cujos eixos foram: identidade e espírito, integração, ensino e formação, pesquisa, presença pública e diálogo com a cultura.

“Em meio a este mundo que nos remata na busca de comodidades e interesses mesquinhos, que nos isola e que também a nós crentes sufoca, atrevamo-nos a recuperar o sonho da fraternidade aberta, do reconhecimento do outro, do serviço generoso e gratuito, da saída de si, da missão esperançada”, então, sublinhou.

Apesar do fato de que Fernández atuava como reitor “ad interim”, desde o dia 15 de dezembro de 2009, e de que sua nomeação foi aprovada pela Conferência Episcopal Argentina, objeções da Congregação para a Doutrina da Fé, do Vaticano, impediram que, antes, ele prestasse o juramento de prática.

Fontes universitárias explicaram que essa “trava” ocorreu porque setores leigos locais fizeram chegar suas concepções aos corredores da Cúria Romana. “A Roma chega, o que a Roma vai”, recordaram.

As demoras na aprovação pontifícia obrigaram, inclusive, o próprio cardeal Bergoglio, em janeiro passado, na condição de grande chanceler da UCA, a fazer esforços no Vaticano para destravá-la, oportunidade na qual a cúpula episcopal também se reuniu com o então papa Bento XVI.

Fernández substituiu dom Alfredo H. Zecca, que exerceu a reitoria durante dois períodos, a partir de 1999.

Hoje, a UCA tem 21.000 alunos em 16 faculdades e em outros centros que a universidade possui em Mendoza, Paraná, Rosario e Pergamino. Tem 3.300 docentes e em suas salas se formaram 53.000 graduados.

Além disso, reúne sete institutos de pesquisa e extensão, entre os quais se destacam os de Bioética, Comunicação Social, Matrimônio e Família, Ciência Política e Relações Internacionais, entre outros, além da Escola de Negócios e outros centros de pós-graduação.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Reitor é nomeado arcebispo - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV