Fotos do dia. Uma greve dramática

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “O coronavírus é um pedagogo cruel”. Entrevista com Boaventura de Sousa Santos

    LER MAIS
  • Porque a América Latina é o epicentro da pandemia? Artigo de Raúl Zibechi

    LER MAIS
  • Se nos empenharmos a aliviar tanto sofrimento, estaremos buscando a Deus. Artigo de José María Castillo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


24 Agosto 2012

Assembleia de mineiros em greve em Marikana, África do Sul.

Foto: Siphiwe Sibeko, Reuters/Contrasto

O líder do Congresso do povo Mosiuoa Lekiota fala na frente da mineradora Lonmin, na África do Sul, na assembleia de mineiros duramente reprimidos (ver o vídeo aqui).

Foto: Themba Hadebe, Ap/Lapresse

O presidente da África do Sul, Jacob Zuma, expressa sua tristeza, na quarta-feira, dia 22-08-2012, aos mineiros da mineradora Lonmin, em Marikana, onde 34 trabalhadores foram assassinados pela policia na quinta-feira da semana passada, dia 15-08-2012. Trata-se da fuzilaria mais sangrenta desde o fim do apartheid em 1994. Centenas de mineiros e membros da comunidade de Marikana estavam com os rostos tristes e abatidos e não foi ouvido nenhum aplauso e nenhum grito com que habitualmente é saudado o presidente do país. Por sua vez, o presidente sul-africano se recusou a ir até o local do assassinato dos trabalhadores, como pediam os líderes do movimento grevista.

Foto: STRINGER/REUTERS

A mineradora Lonmin, próximo de Rustenburg, na África do Sul, palco do trágico defecho da greve dos seus trabalhadores.

Foto: Siphiwe Sibeko, Reuters/Contrasto

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Fotos do dia. Uma greve dramática - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV