O fim: depois de um século, Ford anuncia fechamento de suas fábricas no Brasil

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • 12 filmes para ver e rever na quaresma

    LER MAIS
  • Líder dos bispos católicos alemães: “Eu não nego comunhão aos protestantes que me pedem”

    LER MAIS
  • “A economia não é mais humana, ela é do mercado, e o mercado não tem coração”, afirma D. Leonardo Steiner

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


12 Janeiro 2021

Depois de fechar a fábrica do ABC, montadora mantinha três unidades, que serão desativadas. Pelo menos 5 mil trabalhadores serão demitidos.

Montadora iniciou atividades no Brasil em um galpão, em 1919. Cem anos depois, fechou a fábrica de São Bernardo e agora Camaçari e mais duas (Foto: Reprodução/Montagem RBA)

 

A reportagem é publicada por Rede Brasil Atual - RBA, 11-01-2021.

Foi também (o empresário americano Henry Ford) um dos pioneiros a acreditar no potencial de desenvolvimento do Brasil, tornando a Ford a primeira a produzir automóveis no país, em 1919, com o emblemático Modelo T. Começou assim essa riquíssima história escrita por profissionais dedicados e grandes produtos, que ajudam a contar o avanço social, econômico e cultural do Brasil nos últimos 100 anos. Assim a Ford conta a história de sua presença no país. O “Modelo T” começou a ser montado – ainda com peças importadas – em 1º de maio de 1919, em um galpão na Rua Florêncio de Abreu, região central de São Paulo.

Pois nesta segunda-feira (11) a empresa anunciou o fim dessa história: a Ford vai encerrar neste ano a produção de veículos e fechar as três fábricas no Brasil.

A empresa passará a importar automóveis, principalmente da Argentina e do Uruguai, mantendo aqui um campo de provas e a sede administrativa para a América do Sul. São 6.200 funcionários no Brasil. Serão pelos menos 5 mil cortes, parte deles na Argentina.

ABC fechou em 2019

Em 2019, a montadora já havia desativado a fábrica mais antiga, de São Bernardo do Campo, no ABC paulista. (A negociação foi concluída apenas em novembro do ano passado.) Desde então, mantinha unidades em Camaçari (BA), Taubaté (SP) e Horizonte (CE), nesta última para jipes da Troller.

As duas primeiras a Ford vai fechar imediatamente. “A Ford está presente há mais de um século na América do Sul e no Brasil e sabemos que essas são ações muito difíceis, mas necessárias, para a criação de um negócio saudável e sustentável”, diz o presidente e CEO da Ford, Jim Farley. Segundo ele, a companhia está “mudando para um modelo de negócios ágil e enxuto”.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O fim: depois de um século, Ford anuncia fechamento de suas fábricas no Brasil - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV