Semana do Jovem Líder, espaço formativo da Pastoral da Juventude de Manaus, comemora dez anos

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • “Francisco quase desculpa a vida dupla, mas ainda não aceita padres casados”

    LER MAIS
  • Carta a um jovem padre. Artigo de Domenico Marrone

    LER MAIS
  • A espiritualidade cristã no mundo secular

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


29 Janeiro 2020

A formação é uma dimensão cada vez mais urgente na vida da Igreja, da qual deve participar todo batizado. São muitas as dioceses e as pastorais que se empenham nesse trabalho formativo. Na arquidiocese de Manaus, a Pastoral da Juventude – PJ, realiza desde 2011 a Semana do Jovem Líder, que pretende ser um espaço formativo onde são discutidos diferentes temáticas que ajudam os jovens em seu processo de empoderamento.

A reportagem é de Luis Miguel Modino

Neste ano de 2020, a Semana do Jovem Líder reúne de 27 de janeiro a 1º de fevereiro, 300 jovens, que refletem a partir do tema “Fazendo Jovem e Linda Nossa História”. Além de momentos de oração e celebração, os jovens vão participar de diferentes oficinas que os ajudem a refletir sobre algumas temáticas. Dentre elas, destaca o papel da liderança dentro da PJ, espiritualidade libertadora, afetividade, história da PJ, projeto de vida, civilização do amor, juventude e gênero, cristologia e elaboração de projetos.

Encontro da PJ (Fotos: Luis Miguel Modino)

A Igreja de Manaus está vivendo um momento importante em sua caminhada, pois na próxima sexta feira, 31 de janeiro, acontecerá o inicio da missão de seu novo arcebispo, Dom Leonardo Ulrich Steiner, e também está esperando a exortação pôs-sinodal do Sínodo para a Amazônia, um processo que teve uma grande participação por parte da arquidiocese, sendo muitos os participantes na assembleia sinodal e nas atividades da Amazônia Casa Comum durante o mês de outubro de 2019, assim como no proceso prévio de preparação.

Segundo Gabriel Barbosa, secretário da PJ na Arquidiocese de Manaus, o objetivo, neste ano de 2020, da Semana do Jovem Líder “é celebrar as dez edições que a gente já vivenciou e demostrar quanto a Semana do Jovem Líder se fez importante ao longo deste tempo dentro da arquidiocese”. Nesse sentido, ele destaca a sexta edição como um momento de grande importância, pois depois de 2016, “ela teve uma avanço maior, ela conseguiu trazer discussões da sociedade, importantes para a gente jovem, que eram muito distantes da gente, ficavam só na mídia, as discussões não chegavam dentro do grupo de jovens, não chegava dentro da base”.

Gabriel destaca que “com isso, a gente viu que, enquanto Igreja, também podia fazer essas discussões sobre a vida da juventude, sobre o nosso governo atual”. Diante dos passos percorridos ao longo dos anos, “é motivo de celebrar isso, de recordar muito a galera que também ajudou a construir isso, foi muita gente que ajudou a construir”. O secretário arquidiocesano da PJ lembra que “tem muita gente que saiu desse processo que hoje está ou passou pela coordenação nacional”. Junto com isso, ele destaca que “é a única arquidiocese que tem esse tipo atividade dentro do Brasil, com essa estrutura de uma semana, oficinas com temáticas atuais”.

 

Nessa caminhada, ao longo desses dez anos, eles sempre sentiram o apoio da Igreja de Manaus, especialmente de seu arcebispo Dom Sérgio Castriani. “Ele sempre esteve com a gente”, insiste Gabriel, mesmo que este ano, em que tem se tornado administrador apostólico até a chegada do novo arcebispo, “está um pouco mais distante, mas mandou uma carta para a gente agradecendo pela gente estar realizando esta atividade durante dez edições”. Das palavras de Dom Sérgio, o secretário arquidiocesano da PJ, destaca que “ele falava que não é qualquer pastoral que assume uma atividade desse porte”.

A Semana do Jovem Líder tem uma repercussão na vida dos denominados grupos de base, “ajuda a ter uma discussão mais apropriada para a temática que o jovem escutou”, enfatiza Gabriel. Segundo ele, o jovem que participa deste momento de formação, “já começa se sentir mais empoderado. A Semana do Jovem Líder, ela veio mesmo para empoderar”. Tudo esse aprendizado não fica reduzido ao espaço eclesial, pois “de fato, o jovem precisa saber, precisa ouvir e precisa discutir dentro dos grupos de jovens e nos espaços que ele ocupa, seja na faculdade, no trabalho, na escola e nos outros espaços”, conclui Gabriel Barbosa.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Semana do Jovem Líder, espaço formativo da Pastoral da Juventude de Manaus, comemora dez anos - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV