STF tenta intimar filho de Bolsonaro há 23 dias

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


26 Outubro 2018

O Supremo tenta há 23 dias intimar o deputado federal reeleito Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidenciável Jair Bolsonaro. Um oficial de Justiça tem ido diariamente ao gabinete dele em Brasília, mas não consegue localizá-lo. O deputado foi denunciado em abril pela Procuradoria-Geral da República por ameaçar uma jornalista com quem teria tido um relacionamento. Ele enviou várias mensagens pelo Telegram à moça dizendo que ela “se arrependeria de ter nascido” e ele iria “acabar com a vida dela”. O relator no STF é Roberto Barroso.

Da Coluna do Estadão, publicada por O Estado de S. Paulo, 26-10-2018.

Em abril, o deputado divulgou vídeo de 8 minutos desqualificando a jornalista, acusou-a de ser mitomaníaca e de inventar histórias envolvendo outras pessoas. Procurado ontem, Eduardo Bolsonaro não ligou de volta.

Segundo o Supremo, a chefe de gabinete de Eduardo disse que ele atenderia o oficial de justiça depois de 22 de outubro, mas até agora nada. Ele foi reeleito com a maior votação de um deputado federal na história, mas entrou no foco ao dizer que “basta um soldado e um cabo para fechar o STF”.

Os registros da Câmara dos Deputados mostram que Eduardo Bolsonaro marcou presença em sessões do plenário em 9 e 16 de outubro.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

STF tenta intimar filho de Bolsonaro há 23 dias - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV