Abaixo-assinados pedem à UE e aos EUA veto à compra da Monsanto pela Bayer

Revista ihu on-line

Renúncia suprema. O suicídio em debate

Edição: 515

Leia mais

Lutero e a Reforma – 500 anos depois. Um debate

Edição: 514

Leia mais

Bioética e o contexto hermenêutico da Biopolítica

Edição: 513

Leia mais

Mais Lidos

  • 1º Dia Mundial dos Pobres

    LER MAIS
  • Papa nomeia brasileiro para Relator Geral do Sínodo dos Jovens e um jesuíta e salesiano como Secretários Especiais

    LER MAIS
  • O Homo Deus e a obsolescência do ser humano

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

21 Setembro 2016

Global Justice Now organiza protesto junto ao Comitê de Concorrência da Comissão Europeia, para evitar “desastre”; nos EUA, 700 mil pessoas se manifestam contra fusões.

A informação é publicada por De Olho nos Ruralistas, 20-09-2016.

A organização britânica Global Justice Now está organizando um abaixo-assinado contra a compra da Monsanto pela Bayer. Ele é endereçado à dinamarquesa Margrethe Vestager, do comitê sobre concorrência da Comissão Europeia. O título vai direto ao ponto: “Por favor, interrompa a compra da Monsanto pela Bayer” (Please, stop Bayer’s takeover of Monsanto).

“O acordo será um desastre para o sistema alimentar mundial”, diz o documento da organização. “Ele significa que uma só megacorporação do agronegócio será a maior empresa de sementes e pesticida, controlando fortemente os investimentos agrícolas mundiais”.

Segundo a ONG, a indústria já está fortemente concentrada em seis grandes empresas. E a notícia da compra da Monsanto levará, inevitavelmente, a novas fusões. “Estamos caminhando para uma situação onde nosso sistema global de alimentação estará dominado por um pequeno grupo de corporações que controlarão nossa comida – o que comemos e como isso é produzido”.

A carta endereçada à Comissão Europeia diz que o domínio dos mercados de sementes e pesticidas por uma só empresa não é de interesse público, constituindo uma ameaça aos agricultores, que perderão a competitividade. A organização aponta um controle “sem precedentes” pela Bayer.

Estados Unidos

Nos Estados Unidos, a organização Center for Food Safety (Centro pela Segurança Alimentar) divulgou nesta terça-feira (20/09) que reuniu 708 mil assinaturas pedindo ao Departamento de Justiça que vete as fusões entre Dow e DuPont, Syngenta e ChemChina, e entre Bayer e Monsanto. Nove organizações alegam que a concentração diminuirá a diversidade e a resiliência na produção de alimentos, deixando os agricultores com menos opções e custos mais altos.

As organizações são: SumofUs, Food & Water Watch, Sierra Club, Pesticide Action Network, Friends of the Earth, Center for Food Safety, Organic Seed Alliance, Rural Advancement Foundation International e Clif Bar Family Foundation/Seed Matters. Andrey Kimbell, do Center for Food Safety, apontou a criação de um “monopólio da toxicidade”. “Esta fusão [Bayer-Monsanto] será desastrosa para as pessoas, os polinizadores e o planeta”, apontou Tiffany Finck-Haynes, do Friends of the Earth.

Leia mais...

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Abaixo-assinados pedem à UE e aos EUA veto à compra da Monsanto pela Bayer - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV