Hackers doam 10 mil da conta de Malafaia para a Cruz Vermelha

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


08 Junho 2020

Depois de invadirem dados pessoais do líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC), pastor Silas Lima Malafaia, hackers do Anonymous realizaram uma doação de 10 mil reais ao Comitê Internacional da Cruz Vermelha Internacional para combater o covid-19.

A reportagem é de Edelberto Behs, jornalista.

Doações recebidas de fiéis via PagSeguro no site da ADVEC estavam sendo direcionadas para a conta corrente do pastor, acusou o Anonymous. “Seus dados e crimes foram comprometidos, agora vamos ao serviço do seu website, Sr. Silas Malafaia, parece que vários fiéis foram enganados... que triste Sr. Silas”, tuitaram os hackers na quinta-feira, 4 de junho.

Também no Twitter, Malafaia classificou a invasão de dados como ataque de cunho político e baseado em mentiras. “Canalhas! – escreveu. Os esquerdopatas forjaram mentiras dizendo q dinheiro doados vieram (sic) para minha conta. Rackearam (sic) dados meus. Só atuam contra quem ñ é do viéis (sic) da esquerda. EM NOME DE JESUS VOCÊS VÃO SER DESCOBERTOS. AGUARDEM!”- ameaçou.

O pastor nada comentou sobre a conta da ADVEC e a oferta para a campanha de combate ao covid. A Equipe de Relacionamento da Cruz Vermelha, no entanto, confirmou o recebimento da doação e agradeceu a Silas.

 

Nota do Comitê Internacional da Cruz Vermelha – CICV

 

Recebemos e agradecemos a seguinte nota da CICV:

 

Eis a nota.

Lemos esta notícia mais cedo sobre um suposto ataque hacker que teria extraído dados bancários do pastor Silas Malafaia e convertido em doações para nossa instituição. A reportagem afirma ao final que: “O pastor nada comentou sobre a conta da ADVEC e a oferta para a campanha de combate ao covid. A Equipe de Relacionamento da Cruz Vermelha, no entanto, confirmou o recebimento da doação e agradeceu a Silas”.

Gostaríamos de esclarecer que todas as doações cadastradas na página do Comitê Internacional da Cruz Vermelha passam por um processo de validação de dados e caso apresentem alguma inconsistência elas não são efetivadas. Além disso, para doações que apresentam valores muito superiores aos normais, a Equipe de Relacionamento com o Doador do CICV entra em contato com o doador para confirmar os dados e valor da doação. Após o cadastro de qualquer doação, nosso sistema envia em e-mail automático de confirmação de cadastro e agradecimento, não significa que a doação foi recebida. Quando o pagamento é confirmado um segundo e-mail é enviado. No caso específico reportado, nenhuma das doações foi efetivada.

Agradeço por fazer esta mensagem chegar à equipe editorial. Em caso de dúvidas ou para mais informações, além de apoio em pautas sobre temas humanitários, estou à disposição.

Cordialmente,

Diogo Alcântara
Assessor de Comunicação
Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV)

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Hackers doam 10 mil da conta de Malafaia para a Cruz Vermelha - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV