No dia de Santo Inácio, papa encontra-se com família de jesuíta sequestrado na Síria

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • "O pior de tudo em Manaus é a sensação de impotência"

    LER MAIS
  • O testamento de Dom Jacques Noyer, bispo francês - " “O celibato eclesiástico é uma falsa aventura"

    LER MAIS
  • “Pelo amor de Deus, nos enviem oxigênio”, apelam os bispos do Amazonas e Roraima

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


04 Agosto 2014

O Papa Francisco, um jesuíta, celebrou a festa de Santo Inácio de Loyola reunindo-se com a família de um jesuíta sequestrado na Síria há um ano e almoçando com ela e outros sacerdotes na sede dos jesuítas em Roma.

pope-meets-family-dalloglio

Foto: CNS

A reportagem é de Cindy Wooden, publicada no sítio do Catholic News Service, 1-08-2014. A tradução é de Claudia Sbardelotto.

O padre jesuíta Giuseppe Bellucci disse que o papa "comunicou no último minuto" o seu desejo de almoçar com a comunidade jesuíta, na Cúria Geral da Companhia de Jesus, na última quinta-feira, dia da festa de Santo Inácio de Loyola, fundador da Companhia de Jesus.

"Foi uma visita privada e simples", disse Bellucci.

Entre os presentes no refeitório da comunidade estavam quatro irmãs e três irmãos do padre jesuíta italiano Paolo Dall'Oglio, que se acredita ter sido sequestrado no norte da Síria no dia 29 de julho de 2013. Não se tem notícia dele desde então.

No primeiro aniversário do seu desaparecimento, um de seus irmãos e uma de suas irmãs - falando em nome da família - postaram um vídeo no YouTube pedindo que os responsáveis ​​pelo desaparecimento de Dall'Oglio deixem a família saber se ele está vivo ou se deveriam estar de luto.

O Papa Francisco ofereceu-lhes "palavras de apreço e conforto", disse Bellucci.

Após o almoço, o papa visitou uma das capelas da sede jesuíta que foi remodelada com mosaicos pelo padre jesuíta Marko Rupnik. Em seguida, juntou-se à comunidade para um café espresso, servido em pequenos copos de plástico.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

No dia de Santo Inácio, papa encontra-se com família de jesuíta sequestrado na Síria - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV