Papa Francisco diz que o Vaticano II moldou sua teologia, incluindo o Ensino Social

Revista ihu on-line

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mais Lidos

  • “Sendo 1% da população, os indígenas são a ponta de lança na resistência a Bolsonaro.” Entrevista com Raúl Zibechi

    LER MAIS
  • Movimento dos Focolares à prova

    LER MAIS
  • O desafio do pós-teísmo. Artigo de Paolo Gamberini

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


29 Setembro 2021

 

O Papa Francisco disse que o Concílio Vaticano II moldou sua teologia e visão pastoral, embora ele talvez não deixe isso tão explícito como deveria ser em destacar essas relações, especialmente sobre suas contribuições para o Ensino Social Católico.

A reportagem é de Cindy Wooden, publicada por National Catholic Reporter, 28-09-2021. A tradução é de Wagner Fernandes de Azevedo.

“Na história da América Latina, na qual estive imerso, primeiro como um jovem estudante jesuíta e depois no exercício do meu ministério, nós respirávamos um ambiente eclesial que entusiasticamente absorveu e fez sua própria teologia, igreja e intuições espirituais do concílio e inculturou e os implementou”, escreveu no prefácio para um novo livro.

“O Concílio se tornou o horizonte de nossa crença, nossa linguagem e nossa práxis, que é, e logo se tornou nosso ecossistema eclesial e pastoral”, afirmou. “Muito simplesmente, o Concílio havia entrado em nossa maneira de ser cristão e de ser Igreja, e ao longo da minha vida, minhas intuições, percepções e espiritualidade foram simplesmente geradas pelas sugestões da doutrina do Vaticano II”.

O prefácio do Papa Francisco para “Fraternidade: Sinal dos Tempos” foi lançado em 28 de setembro pelo Vatican News. O livro será lançado em 30 de setembro, em italiano, pela editora do Vaticano, e foi escrito pelo cardeal Michael Czerny e pelo padre Christian Barone, um teólogo italiano.

O livro apresenta uma leitura teológica da encíclica do Papa, “Fratelli Tutti, sobre Fraternidade e Amizade Social”, mas também sobre sua doutrina social como um todo, enfatizando sua continuidade com a doutrina social papal e, especialmente, a visão do Concílio Vaticano II da Igreja Católica em diálogo e ministério com o mundo.

O Papa Francisco disse que agora, mais de 50 anos depois de o Concílio ter concluído os seus trabalhos, “é necessário tornar mais explícitos os conceitos-chave do Concílio Vaticano II, os fundamentos dos seus argumentos, o seu horizonte teológico e pastoral, os argumentos e o método usado”.

 

Leia mais

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Papa Francisco diz que o Vaticano II moldou sua teologia, incluindo o Ensino Social - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV