“A carta do Papa é uma resposta muito geral”. Vaticano se manifesta acerca da saudação do Papa ao casal gay brasileiro

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • A fé do Brasil dividido

    LER MAIS
  • A nova teologia do Ecoceno. Entrevista com Leonardo Boff

    LER MAIS
  • Núcleo de pesquisa da USP publica nota sobre criacionismo defendido por novo Presidente da CAPES

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

10 Agosto 2017

Retifica-se. O Vaticano esclareceu, nesta terça-feira, que a carta enviada a um casal gay que batizou seus filhos no Brasil é uma resposta “geral”.

A reportagem é publicada por Religión Digital, 09-08-2017. A tradução é do Cepat.

Para a Santa Sé, o gesto foi semelhante ao que se confere a milhares de fiéis que escrevem diariamente ao Papa Francisco.

“A carta do Papa é uma resposta muito geral, assim como se faz com as milhares de cartas que ele recebe todos os dias e não pode responder de forma personalizada. É sua forma de agradecer às pessoas por suas cartas”, mencionou Paloma García Ovejero, porta-voz do Vaticano.

“O Papa Francisco lhes deseja felicidades, invocando para sua família a abundância das graças divinas, para que vivam constante e fielmente a condição de cristãos”, dizia a carta enviada ao brasileiro Toni Reis, em julho, assinada por um assessor do Sumo Pontífice.

Reis disse que recebeu a mensagem em resposta a uma carta enviada por ele, em abril, para informar o batismo de seus três filhos adotivos.

“É falso que se trate de uma resposta ao casal”, manifestou o Vaticano.

Reis, de 53 anos, e o inglês David Harrad, de 59 anos, estão juntos há 27 anos. Recentemente, em 2011, oficializaram seu matrimônio.

Em 2012, adotaram Allyson, um garoto de 16 anos e, em 2014, aos irmãos Jéssica (14) e Filipe (11).

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

“A carta do Papa é uma resposta muito geral”. Vaticano se manifesta acerca da saudação do Papa ao casal gay brasileiro - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV