Papa Francisco e Patriarca Bartolomeu juntos em Lesbos, no dia 15 de abril

Revista ihu on-line

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Mais Lidos

  • Como a ciência defende a floresta. Entrevista com Carlos Afonso Nobre

    LER MAIS
  • Santa Irmã Dulce, a ''Madre Teresa brasileira''. Bolsonaro ausente

    LER MAIS
  • Aos 15 anos da morte do filósofo francês Jacques Derrida, o último subversivo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

06 Abril 2016

O Papa Francisco pode visitar a ilha de Lesbos Lesbos, na Grécia, em breve, junto com o Patriarca Bartolomeu. De acordo com fontes gregas (Dogma.gr), o Papa Francisco e o Patriarca Bartolomeu poderiam viajar para a ilha no dia 15 de abril, depois de uma proposta de Hieronymus, arcebispo de Atenas e de toda a Grécia, que teve o apoio do Santo Sínodo da Igreja da Grécia.

A reportagem é do sítio Il Sismografo, 05-04-2016. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Obviamente, a iniciativa se insere nas intenções do papa e do patriarca de manter em alta a atenção e a sensibilidade dos cristãos, além da comunidade internacional, diante da grave emergência migratória.

Por enquanto, a notícia não foi confirmada por fontes vaticanas. Somente a imprensa grega está enfatizando neste momento a iniciativa do Patriarca Hieronymus, que, no mês passado, além de se dirigir ao encontro dos refugiados presentes no porto de Piraeus, enviou uma carta para as instituições europeias, além de outros chefes religiosos ortodoxos, para sensibilizar essas comunidades sobre aquilo que ele definiu como "um drama para toda a Europa".

Se essas informações se confirmarem e o Santo Padre for para Lesbos, essa seria a segunda viagem realizada juntos por Bartolomeu e Francisco, depois da viagem para a Terra Santa de maio de 2014, e a segunda de um papa para a ilha de Lesbos, visitada em maio de 2001 por São João Paulo II.

A ilha de Lesbos está localizada no nordeste do Mar Egeu, em frente à península da Anatólia, e o seu centro principal é Mitilene. Justamente por causa dessa sua posição geográfica, a ilha, há ao menos dois anos, é um centro nevrálgico para os refugiados sírios que cruzam parte da Turquia para se dirigir à Europa.

Com os seus 1.630 quilômetros quadrados. Lesbos é a terceira maior ilha grega em superfície e a oitava do Mediterrâneo. De acordo com um censo de 2001, os habitantes eram quase 91 mil.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Papa Francisco e Patriarca Bartolomeu juntos em Lesbos, no dia 15 de abril - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV