O papa e os animais: ''O paraíso está aberto a todas as criaturas''

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • Müller também se recusa, na 'TV do diabo', a participar do Sínodo

    LER MAIS
  • Desmatamento na Amazônia já chega a quase 9 mil km² em 2021, mostra Imazon

    LER MAIS
  • Aquele que veio para desconstruir e devastar - Frases dia

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


28 Novembro 2014

A Igreja a caminho na história "rumo ao Reino dos Céus", o Paraíso que, "mais do que um lugar", é "um estado da alma em que as nossas expectativas mais profundas serão cumpridas de modo superabundante". Francisco, na sua catequese na Praça de São Pedro, fala da "Jerusalém celeste" e sorri: "É bonito pensar no Céu. Todos nós nos encontraremos lá em cima, todos".

A reportagem é de Gian Guido Vecchi, publicada no jornal Corriere della Sera, 27-11-2014. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

E, depois, amplia o olhar, com uma frase que amplia a esperança da salvação e da bem-aventurança escatológica aos animais, assim como a toda a criação: "A Sagrada Escritura nos ensina que o cumprimento desse desígnio maravilhoso não pode não dizer respeito também a tudo o que nos cerca e que saiu do pensamento e do coração de Deus", explica.

Depois, cita o capítulo 8 da Carta aos Romanos: "O apóstolo Paulo afirma isso de modo explícito, quando diz que 'a criação também será liberta da escravidão da corrupção, para participar da liberdade e da glória dos filhos de Deus'".

Também outros textos, da Segunda Carta de Pedro até o Apocalipse, mostram "a imagem do 'céu novo' e da 'Terra nova'", lembra Francisco, "no sentido de que todo o universo será renovado e será liberto de uma vez por todas de todos os vestígios do mal e da própria morte".

Como "cumprimento de uma transformação que, na realidade, já está em ato a partir da morte e ressurreição de Cristo", a perspectiva futura é a de uma "nova criação": "Portanto, não de uma aniquilação do cosmos e de tudo o que nos cerca, mas um levar todas as coisas à sua plenitude de ser, de verdade, de beleza".

Francisco está preparando uma encíclica "ecológica" sobre a proteção da Criação. Certamente, o tema é recorrente e, às vezes, controverso na Igreja. Diz-se que Paulo VI tinha consolado um menino aos prantos por causa da morte do seu cão, dizendo-lhe: "Um dia, vamos rever os nossos animais na eternidade de Cristo".

Além disso, a palavra "animal" vem de anima, como princípio vital, e João Paulo II disse em uma audiência em 1990: "Alguns textos sagrados admitem que os animais também têm um hálito ou sopro vital e que o receberam de Deus".

Uma perspectiva que Bento XVI – de quem, aliás, é conhecido o amor pelos gatos – pareceu bloquear durante uma homilia há seis anos: "Nas outras criaturas, que não são chamadas à eternidade, a morte significa apenas o fim da existência sobre a Terra...".

O tema, explica um grande teólogo como o arcebispo Bruno Forte, tem a ver com a palavra grega anakephalaiosis, ou seja, "a 'recapitulação' de todas as coisas em Cristo e, portanto, na glória de Deus, tudo em todos".

Não por acaso, Francisco citou São Paulo: "Segundo a teologia paulina, como se lê na Carta aos Colossenses, tudo foi criado por meio de Cristo e em vista d'Ele, e, portanto, tudo participará da glória final de Deus";

Certamente, "na forma e na medida dada a cada criatura", acrescenta Forte: "Uma coisa é a criatura consciente e livre, outra é a inanimada. Mas a ideia é de que o universo inteiro não será aniquilado".

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O papa e os animais: ''O paraíso está aberto a todas as criaturas'' - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV