Ecologia da Restauração – Restaurar uma área degradada é plantar árvores?

Revista ihu on-line

“Raízes do Brasil” – 80 anos. Perguntas sobre a nossa sanidade e saúde democráticas

Edição: 498

Leia mais

Desmilitarização. O Brasil precisa debater a herança da ditadura no sistema policial

Edição: 497

Leia mais

Morte. Uma experiência cada vez mais hermética e pasteurizada

Edição: 496

Leia mais

Mais Lidos

  • “As ‘dúvidas’ dos quatro cardeais são uma bofetada na cara do Papa”

    LER MAIS
  • Menos de 1% das propriedades agrícolas detém 45% da área rural no país

    LER MAIS
  • Viver o Advento. Artigo de Goffredo Boselli

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

22 Outubro 2014

Há muito mais em restaurar uma área do que plantar árvores. Conforme fomos destruindo o planeta, fomos também aprendendo como restaurar estes danos.

A reportagem foi publicada por EcoDebate, 21-10-2014.

Ecologia da Restauração é um livro sobre como restaurar a natureza, quer seja floresta, campo, recife de coral ou rio onde tenham sido degradados. É fartamente ilustrado, reunindo 852 citações tanto da literatura especializada como da mídia. Apesar de seu conteúdo técnico, é de fácil leitura, pelas muitas histórias incluídas ao longo dos doze anos de sua elaboração.

Efraim Rodrigues, o autor, é doutor pela Universidade de Harvard, Professor da Universidade Estadual de Londrina e Consultor da ONU.

Nas palavras dele; – Escrevi este livro da mesma maneira que se dá uma aula, intercalando histórias pessoais, casos que estão nos jornais, além dos casos clássicos da literatura.

Talvez até melhor, já que fiquei editando esta “aula” ao longo dos 11 anos, 11 meses e 11 dias que em que ele esteve em elaboração.

Apesar de conter o estado da arte da restauração de ecossistemas no Brasil e no mundo, o livro deixa um recado claro contra a degradação.

O conhecimento humano está ainda muito longe de conseguir restaurar ecossistemas a ponto de ficarem iguais a antes do impacto. Por isso, conservar deve ser a primeira opção.

O livro Ecologia da Restauração é um dos finalistas do Premio Jabuti 2014, na categoria Ciências Naturais.

Há um demo do livro em www.editoraplanta.com.br/er.pdf . Vendas pelo e mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

A Web TV UFBA entrevistou Efraim Rodrigues, convidado especial da terceira edição do Café Científico da UFBA, realizado na Sala de Arte da UFBA, que debateu sobre restauração de ambientes degradados. O Café Científico teve como tema “Ecologia da Restauração, a restauração da ecologia?”, mesmo nome do livro lançando pelo palestrante. Especialista em ecologia, Efraim Rodrigues Efraim é Doutor pela Universidade de Harvard e professor da Universidade Estadual de Londrina. Um pesquisador de destaque quando se trata de ecologia e conservação e nome de referência para discutir questões ambientais.

A ecologia da restauração é o campo científico que trata, na prática, da recuperação ambiental, tornando possíveis as condições originais da flora, fauna, solo e clima. Segundo Rodrigues, a preservação é imprescindível porque uma recuperação de ecossistema leva no mínimo 15 anos para ser feita, sendo necessário um estudo das áreas para se saber quais espécies existiam no local. Em projeto realizado em diversas escolas do Brasil, Efraim Rodrigues atua pensando a restauração ecológica através da coleta da água da chuva e da transformação de lixo em adubo.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Instituto Humanitas Unisinos - IHU - Ecologia da Restauração – Restaurar uma área degradada é plantar árvores?