O Papa pede aos venezuelanos que “tenham confiança” frente ao futuro sem Hugo Chávez

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • O que muda (para pior) no financiamento do SUS

    LER MAIS
  • Ou isto, ou aquilo

    LER MAIS
  • Desmatamento na Amazônia aumenta 212% em outubro deste ano, aponta Imazon

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

Por: André | 24 Janeiro 2013

Bento XVI pediu aos venezuelanos que “tenham confiança” em Deus ao referir-se à situação do país e ao futuro do mesmo, com a saúde do presidente Chávez por um fio.

A reportagem está publicada no sítio espanhol Religión Digital, 23-01-2013. A tradução é do Cepat.

“Tenham confiança, Deus os ajudará”, assegurou o Sumo Pontífice em relação à Venezuela ao receber o primeiro vice-presidente da CEV e presidente da Cáritas da América Latina e do Caribe, dom José Luis Azuaje, detalhou o Episcopado venezuelano em um comunicado.

Os venezuelanos encontram-se à espera do retorno ao país de seu presidente, Hugo Chávez, que passou por nova cirurgia no dia 11 de dezembro passado em Cuba por uma reincidência do câncer que sofre.

Bento XVI acrescentou durante a conversa que “Deus não desampara, sempre está presente em sua história, animando através de seu Espírito, as transformações necessárias para que o homem e a mulher tenham vida em abundância”, segundo o boletim.

Azuaje indicou, por sua vez, que as palavras do Papa “devem servir de orientação para a ação e um itinerário para a esperança diante de tantas incertezas”.

Chávez, de 58 anos e reeleito no dia 07 de outubro passado, não pôde participar, no dia 10 de janeiro, da juramentação de seu quarto mandato de seis anos devido à sua saúde.

O Supremo Tribunal de Justiça decidiu, um dia antes da data prevista, postergar a posse até que o presidente recupere plenamente sua saúde e avalizou a continuidade do Executivo que o vice-presidente, Nicolás Maduro, encabeça amparado por algumas atribuições outorgadas por Chávez.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O Papa pede aos venezuelanos que “tenham confiança” frente ao futuro sem Hugo Chávez - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV