1.700 anos do Édito de Constantino

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “Se vocês se sentirem como eminências, estarão fora do caminho”. As palavras do Papa Francisco aos novos cardeais quando também condenou a corrupção na Igreja

    LER MAIS
  • Como viver o Advento em tempos de quarentena

    LER MAIS
  • A vacina vai nos ajudar, mas não vai nos livrar das pandemias

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


03 Dezembro 2012

O arcebispo de Milão, cardeal Angelo Scola, inaugurará na quinta-feira, 6 de dezembro, na Basílica de Santo Ambrósio, as comemorações pelos 1.700 anos do Edito de Constantino, o segundo grande evento que terá como protagonista em 2012 a Igreja de Milão depois do Encontro Mundial das Famílias de junho passado.

A nota é de Giacomo Galeazzi, publicada no blog Oltretevere, 02-12-2012. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Na próxima quinta-feira, no Discurso de Santo Ambrósio, o arcebispo irá refletir sobre os temas do ano constantiniano.

Na entrega do prêmio Sant'Agostino há alguns dias, Scola definiu o Ano Constantiniano de "uma ocasião privilegiada para Milão para voltar a refletir sobre esse legado fundamental da Antiguidade Tardia, quando o pensamento jurídico romano encontrou a novidade cristã, realizando algumas conquistas decisivas para o progresso espiritual da humanidade e deu início à liberdade religiosa. A liberdade religiosa, embora apresentando ainda hoje muitos pontos críticos que demandam mais aprofundamentos, garante, de fato, a possibilidade a todos os membros de uma sociedade plural, secular e religiosa de apresentar a sua proposta de vida na sua inteireza e, ao mesmo tempo, exerce uma função limitadora com relação às sempre recorrentes tentações hegemônicas, a partir do momento em que impede a monopolizar o espaço público".

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

1.700 anos do Édito de Constantino - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV