Participação feminina deve chegar a 45%

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • Os católicos ainda leem? Sinodalidade e a “Igreja que escuta” nesta era digital. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • Estou obcecado pelo Evangelho. O Evangelho não é Religião. Artigo de José María Castillo

    LER MAIS
  • Tenho medo dos padres

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


23 Abril 2012

A participação das mulheres na força de trabalho do Brasil deve chegar a 45% ao fim desta década, de acordo com os dados da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (Unctad) - em 1980, a presença das brasileiras era de 31,3%. "Essa previsão de crescimento já era esperada. Atualmente, mais de 30% das famílias são chefiadas por mulheres", diz Denise Delboni, professora de Relações Trabalhistas da Faculdade de Economia da Faap.

A reportagem é de Luiz Guilherme Gerbelli e publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo, 22-04-2012.

Denise lembra que as mulheres ainda ganham cerca de 20% menos do que os homens que estão no mercado de trabalho. "Elas se candidatam a trabalhos mais rotineiros e que pagam menos", afirma. "Com os salários mais baixos das mulheres, o rendimento das famílias acaba sendo menor", diz Denise.

A entrada das mulheres no mercado de trabalho é, na avaliação dela, outro fator que contribuiu para a redução do aumento da força de trabalho.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Participação feminina deve chegar a 45% - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV