Peregrinação Ciclística Popular em Busca da ''Terra Sem Males''

Revista ihu on-line

Etty Hillesum - O colorido do amor no cinza da Shoá

Edição: 531

Leia mais

Etty Hillesum - O colorido do amor no cinza da Shoá

Edição: 531

Leia mais

Missões jesuíticas. Mundos que se revelam e se transformam

Edição: 530

Leia mais

Missões jesuíticas. Mundos que se revelam e se transformam

Edição: 530

Leia mais

Nietzsche. Da moral de rebanho à reconstrução genealógica do pensar

Edição: 529

Leia mais

Nietzsche. Da moral de rebanho à reconstrução genealógica do pensar

Edição: 529

Leia mais

Etty Hillesum - O colorido do amor no cinza da Shoá

Edição: 531

Leia mais

Missões jesuíticas. Mundos que se revelam e se transformam

Edição: 530

Leia mais

Nietzsche. Da moral de rebanho à reconstrução genealógica do pensar

Edição: 529

Leia mais

Mais Lidos

  • O investimento militante das Igrejas americanas na indústria de armas

    LER MAIS
  • Ativista assassinada na Bahia resistia a expansão do eucalipto em reserva

    LER MAIS
  • Na TV, Bolsonaro diz que ministro mentiu e adverte o vice Mourão

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

26 Janeiro 2012

No começo do mês de fevereiro, realiza-se a 9ª Peregrinação Ciclística Popular em Busca da “Terra Sem Males”.

Eis a programação d' O CAMINHO DE SÃO SEPÉ TIARAJU.

03/02/2012 (1ºdia – sexta-feira): em Rio Pardo

8h: Saída dos peregrinos de POA até Rio Pardo (aprox. 30 pessoas).

10h a 10h30min: Ato na “Fonte Seca” devido a eucaliptal, na estrada Pantano Grande – Rio Pardo. O grupo de POA será recebido neste local por ciclistas de Rio Pardo e Sta.Cruz do Sul.

* Fala de mulher campesina, empoderada por São Sepé Tiaraju em 2006. Em latifúndio-empresarial de  Barra do Ribeiro, lutou com centenas de companheiras, contra a invasão do eucalipto no RS.

* Reflexão sobre meio ambiente: momento para o grupo se conhecer melhor – Mística da Peregrinação.

11h15min: Partida ciclística rumo à cidade de Rio Pardo, pelo asfalto. Distância de16,4 km.

12h30min: Almoço na Pousada Jesus-Maria-José.

14h30min: Visita a locais significativos na cidade de Rio Pardo: Forte Jesus-Maria-José, Matriz e  Rua da Ladeira e SENZALA.

16h: Lanche na pousada.

18h: Solenidade-CELEBRAÇÃO no local em que o mártir Sepé Tiaraju esteve preso por sua luta em favor da JUSTIÇA. (Juntos “Levante da Juventude e Caminho de São Sepé Tiaraju”)

20h: Janta na pousada e pernoite

04/02/2012 (2° dia – sábado): em Rio Pardo

7h até 7h40min: Café da manhã.

8h: Mística grupal.

8h30min: Visita a lugares históricos de Rio Pardo

11h: Concentração na Casa Jesus-Maria-José, combinações, mística etc.

12h: Almoço

14h30min: Saída em direção ao Quilombo “Rincão dos Negros” em Passo da Taquara, percorrendo estrada de chão 22km.

15h30min: Encontro com famílias quilombolas do Rincão. (História das lutas locais, com troca de experiências).

17h30min: Volta de ônibus até a Casa-Jesus-Maria-José.

19h: Janta

20h: Palestra sobre a Luta dos Povos Indígenas e Vídeo: Sessão aberta à comunidade local.

23h: Descanso.

05/02/2012 (3° dia – domingo): na cidade de São Sepé

 

7h15min: Café da manhã como despedida de Rio Pardo

8h30min: Viagem à cidade de São Sepé.

10h: Encontro com os ciclistas da cidade de São Sepé a meio caminho.

10h30min: Circulação pelas Comunidades com Carro de Som e distribuição de Material

12h: Almoço Comunitário na Capela do Bairro Kurtz

14h30min: Conversa com a Comunidade Do Bairro Lôndero

16h: Café Lanche Comunitário na Capela Bairro Kurtz

17h: Mateada na Praça

18h: Partida rumo a São Gabriel

20h: Chegada à pousada dos Índios, no Parque Tradicionalista de São Gabriel

 

Dia 06/02/2012: (4° dia – segunda feira)

7h30min: Café da manhã.

8h30min: Grande circuito de bicicletas pelo centro e periferias da cidade portal do céu por onde adentraram São Sepé Tiaraju e os 1.500 companheiros mártires pela Justiça.

12 horas: Almoço

15 horas: Visita, de bicicleta, ao assentamento do MST “Conquista do Caiboaté”

19 horas: Diálogo entre índios e Peregrinos

 

Dia 07/02/2012

 

7h30min: Alvorada Festiva

8 horas: Café da manhã

9h30min: Ida ao Cruzeiro do Caiboaté, onde o exército da nação guarani foi chacinado pelos exércitos imperiais de Espanha e Portugal, fazendo 1.500 mártires.

11 horas: Ida à Sanga da Bica, no lugar exato em que São Sepé tombou mártir pela Justiça.

12h30min: Almoço

15 horas: Retorno a Porto Alegre

17 horas: Entrada em Caçapava do Sul a fim de um circuito ciclístico pela cidade, em direção à Pedra do Segredo, local da futura capela em honra do mártir São Sepé Tiaraju, comemorativa da ressurreição e ascensão de Sepé que “tomou no céu posição”

 

9ª Peregrinação, por que nona? – É que levamos o povo guarani de Porto Alegre e arredores pela primeira vez a ver sua TERRA SANTA, embebida com o sangue de seus antepassados, pela primeira vez no ano de 2004, dois anos antes dos 250 do martírio dos 1.500. (Ano “Sepé Tiaraju” – 2006).

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Peregrinação Ciclística Popular em Busca da ''Terra Sem Males'' - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV