Descobertas três mil cartas inéditas de São Vicente de Paula

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • Cardeal Luis Antonio Tagle: a melhor nomeação do papa

    LER MAIS
  • Argentina: empossado o presidente Fernández, “superar o ódio, o Papa Francisco é uma referência”

    LER MAIS
  • Novo bispo austríaco se opõe ao celibato sacerdotal obrigatório

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

15 Setembro 2011

Um documentário joga luz sobre a influência de Santa Luíza de Marillac sobre São Vicente de Paula. A missão de ambos não era apenas ajudar os pobres, mas mudar suas vidas.

A reportagem está publicada no sítio espanhol Religión Digital, 14-09-2011. A tradução é do Cepat.

Um documentário de 64 minutos – “São Vicente de Paula, o Santo da Caridade” – percorre a vida do sacerdote francês explorando sua missão, sua inspiração e sua luta diária. Quase 350 anos depois de sua morte, o legado de São Vicente de Paula segue vivo. Seu nome é sinônimo de caridade e compaixão. Recentemente foram descobertas milhares de cartas do próprio santo.

“Quando descobri que havia 3.000 cartas escritas por São Vicente de Paula, foi como encontrar um tesouro. Ler essas cartas é como ler a correspondência de uma pessoa durante 30 anos. Encontrei uma nova pessoa. Não refletem apenas um home que nos ensina, mas também um homem que luta”, explica a Irmã Marie Poole, do Vincentian Translation Project.

O documentário joga luz sobre a influência de Santa Luíza de Marillac sobre São Vicente de Paula. A missão de ambos não era só ajudar os pobres, mas mudar suas vidas. Por isso, pediram continuamente a ajuda de Deus. Segundo conta Robert Maloney, ex-Superior Geral, nestes termos: “Senhor, como queres que responda? Como queres que viva hoje? Como queres que fale com quem tenho que falar hoje?”

O documentário foi financiado pela Universidade DePaul de Chicago e foi aceito em três Festivais: na Irlanda, na Inglaterra e nos Estados Unidos.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Descobertas três mil cartas inéditas de São Vicente de Paula - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV