Polícia da Itália descobre 25 cadáveres de imigrantes a bordo de um barco oriundo da Líbia

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “O coronavírus é um pedagogo cruel”. Entrevista com Boaventura de Sousa Santos

    LER MAIS
  • Porque a América Latina é o epicentro da pandemia? Artigo de Raúl Zibechi

    LER MAIS
  • Se nos empenharmos a aliviar tanto sofrimento, estaremos buscando a Deus. Artigo de José María Castillo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


31 Julho 2011

A polícia da Itália descobriu 25 cadáveres a bordo de um barco na Ilha de Lampedusa, no Sul do país. A embarcação transportava 271 imigrantes, entre eles 36 mulheres e 21 crianças. Não há informações oficiais sobre as causas das mortes.

A reportagem é da Agência Lusa, 01-08-2011.

Desde o início dos confrontos na Líbia, no começo do ano, milhares de pessoas tentam escapar do país. Os imigrantes reclamam da insegurança causada pelos conflitos entre as forças da oposição e os aliados do presidente líbio, Muammar Khadafi.

A maioria dos líbios tenta chegar à Itália por meio do Porto de Lampedusa. Os esforços envolvem  uma viagem de cerca de dois dias e centenas de pessoas morrem afogadas. As autoridades italianas tentam limitar a entrada dos imigrantes no país.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Polícia da Itália descobre 25 cadáveres de imigrantes a bordo de um barco oriundo da Líbia - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV