Sábado será de mobilização para recuperar vegetação junto ao Rio Paranhana, em Igrejinha

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • Não posso me calar

    LER MAIS
  • Estudantes, trabalhadores e sonhadores. Quem eram os jovens que morreram após ação da PM em baile funk

    LER MAIS
  • O fim do indivíduo. Viagem de um filósofo à terra da inteligência artificial

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

01 Junho 2011

O próximo sábado (4 de junho)  terá mutirão para recuperação de mata ciliar em uma área pública junto ao Rio Paranhana, em Igrejinha. Cerca de 30 voluntários deverão fazer o plantio de mudas, além de colocar 12 mourões e esticar 270 metros de cerca para proteger o local. A área fica na Rua Tristão Monteiro, no bairro 15 de Novembro. A iniciativa abrange o Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos (Comitesinos), a prefeitura local, Emater, a empresa Calçados Dian Pátris Ltda. e o Sindicato da Indústria de Calçados, Vestuário e Componentes de Calçados de Igrejinha.

A informação é do Comitesinos, 01-06-2011.

Os voluntários são funcionários da empresa calçadista e foram mobilizados com apoio do Sindicato das Indústrias. A movimentação começa às 8 horas, na Dian Pátris, onde técnicos da Emater e da prefeitura vão treinar a turma para o plantio e construção da cerca. Em seguida, o grupo vai para a prática, na área a ser recuperada. A mobilização faz parte do Programa Caminho Sustentável – a opção consciente, do Sindicato da Indústria de Calçados, e integra o Projeto VerdeSinos, coordenado pelo Comitesinos (em parceria com a Fundepe e Unisinos) e que conta com patrocínio do Programa Petrobras Ambiental.

VerdeSinos

O VerdeSinos é oriundo do Projeto Piloto de Recomposição da Mata Ciliar e ganhou esse nome a partir de dezembro de 2010, quando recebeu aporte de R$ 1,3 milhão do Petrobras Ambiental. O objetivo principal é recuperação de 330 hectares de mata ciliar na Bacia do Sinos. Além da construção de estufas, produção de mudas e treinamento e mobilização de agentes multiplicadores, o recurso também está bancando pesquisas científicas para identificar a melhor maneira de recuperar as áreas.

O projeto envolve atualmente 19 prefeituras e tem suporte das entidades-membros do Comitesinos (Emater, Sindicatos Rurais, Irga e outras), além novos parceiros que continuam aderindo à iniciativa, como AES Sul, Defap, Gerdau, Biota Soluções Ambientais, PAVICON, PSA Papéis (para fornecimento de mudas, moeirões, cercas e outros subsídios). O VerdeSinos tem ainda o respaldo do Ministério Público Estadual, entendendo que, se o produtor por si só começa a preservar uma faixa menor de mata, isso é indício de boa vontade de futuramente ele recuperar o restante. O que livra os voluntários de sofrerem um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) e, de uma hora para outra, serem obrigado a recuperar as áreas junto às margens.

Caminho Sustentável – a opção consciente

É mais que um programa sócio-ambiental, é uma filosofia de ação, de gestão e de desenvolvimento sustentável para o setor calçadista. A ideia é promover ações ecológicas, culturais e de inclusão social, aliando ainda a qualificação técnica e a redução de custos de produção e de gerenciamento de resíduos. Grosso modo, trata-se de uma ferramenta para envolver a comunidade e a empresa em ações de cidadania e para dar visibilidade os produtos e insumos oriundos de Igrejinha.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Sábado será de mobilização para recuperar vegetação junto ao Rio Paranhana, em Igrejinha - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV