Para entender o que aconteceu em Fukushima

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • Propor vacinação só em março e alcançar no máximo 1/3 da população em 2021 é um crime

    LER MAIS
  • Papa Francisco desafia a esquerda católica

    LER MAIS
  • Papa Bergoglio: “A propriedade privada não é intocável, a justiça social é necessária”

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


13 Março 2011

1.- O que causou o acidente nuclear no Japão?

Problemas tiveram início quando o terremoto da última sexta-feira cortou a energia da usina de Fukushima 1, interrompendo o sistema que esfria os reatores. O sistema de emergência começou a operar, mas foi danificado pelo tsunami.

2.- Por que houve a explosão no teto do reator 1?

As tentativas de resfriar o reator 1 falharam, e um superaquecimento provocou a explosão.

3.- Que danos a explosão do reator 1 causou?

O teto que abriga o reator 1 e a parede secundária de proteção foram danificados. A parede primária de contenção do reator, no entanto, formada por 15 cm de aço e concreto, permanece intacta, de acordo com autoridades japonesas.

4.- Qual o risco de radiação?

O governo japonês afirmou ter registrado níveis de radiação acima do limite de segurança, mas que não representam risco imediato à saúde humana.

5.- Quantas pessoas foram expostas à radiação?

Estima-se que pelo menos 190 pessoas foram expostas à radiação, mas esse número pode ser muito maior. Cerca de 210 mil pessoas foram retiradas de uma área de 20 km no entorno de Fukushima por precaução.

6.- Os outros reatores da usina se encontram a salvo?

Técnicos da usina estão injetando água do mar nos reatores 2 e 3 de Fukushima para evitar superaquecimento. O governo não descarta explosão similar à ocorrida no último sábado.

Fonte: "The Guardian" e traduzido pelo jornal Folha de S. Paulo, 14-03-2011.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Para entender o que aconteceu em Fukushima - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV