Cardeal Hollerich: "Se a grande segunda onda da pandemia nos fizer cair em nacionalismo, o vírus pode ter o poder explosivo de destruir a União Europeia”

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • "É hora de reaprender a arte de sonhar com os xamãs nativos"

    LER MAIS
  • Uma visão do suicídio no Brasil em resposta à outra visão apresentada

    LER MAIS
  • “É triste ver cristãos acomodados na poltrona”. O alerta do papa Francisco contra a acídia

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


20 Outubro 2020

O presidente da Comissão Episcopal da UE (COMECE), cardeal Jean-Claude Hollerich, descreveu a Igreja Católica europeia como “polarizada” e necessitada de reformas.

A reportagem é de Lucía López Alonso, publicada por Religión Digital, 19-10-2020. A tradução é de Wagner Fernandes de Azevedo.

“A Igreja está fortemente polarizada. Sempre há posições radicais na Internet. As declarações dos bispos também se contradizem em parte: alguns estão estritamente a favor de algo, outros estão definitivamente contrários”, declarou. O também cardeal e arcebispo de Luxemburgo considera que “não devemos ignorar os diferentes enfoques, mas sim suportar a tensão, e estabelecer um diálogo aberto”.

Chamado a repensar o modo eclesiástico de se relacionar com a sociedade de hoje, diz que “na Igreja Católica às vezes precisamos glorificar o passado em vez de buscar a Deus no presente”. “Gosto de passar o tempo com os jovens e notar as mudanças na linguagem, o pensamento e as necessidades”.

Como publicou Katolische.de, Hollerich rechaça os olhares reduzidos que causam a polarização, também na concepção do diferente: “Vivemos com imagens do inimigo, generalizações. ‘Os solicitantes de asilo’ ou ‘os muçulmanos’”, exemplifica.

Em meio a uma situação de novos surtos da covid-19 no continente, o cardeal Hollerich adverte: “Se uma grande segunda onda da pandemia for produzida e voltarmos a cair em nacionalismo, o vírus pode ter um poder explosivo de destruir a União Europeia”.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Cardeal Hollerich: "Se a grande segunda onda da pandemia nos fizer cair em nacionalismo, o vírus pode ter o poder explosivo de destruir a União Europeia” - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV