Papa se reunirá com povos indígenas da Amazônia durante visita ao Peru

Revista ihu on-line

O Brasil na potência criadora dos negros – O necessário reconhecimento da memória afrodescendente

Edição: 517

Leia mais

Base Nacional Comum Curricular – O futuro da educação brasileira

Edição: 516

Leia mais

Renúncia suprema. O suicídio em debate

Edição: 515

Leia mais

O Brasil na potência criadora dos negros – O necessário reconhecimento da memória afrodescendente

Edição: 517

Leia mais

Base Nacional Comum Curricular – O futuro da educação brasileira

Edição: 516

Leia mais

Renúncia suprema. O suicídio em debate

Edição: 515

Leia mais

Mais Lidos

  • Polêmica foto do Papa Francisco com uma indígena mapuche

    LER MAIS
  • "No Brasil, há corpo mole em relação ao Papa Francisco, mas não discordância pública". Entrevista com Jose Oscar Beozzo

    LER MAIS
  • "O Brasil está experimentando uma das maiores desindustrializações da história da economia"

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

15 Novembro 2017

O papa Francisco lanchará com representantes dos povos indígenas da Amazônia durante a visita que fará ao Peru em janeiro de 2018, após viagem ao Chile.

A reportagem foi publicada por Amazônia.org, 14-11-2017.

O Vaticano divulgou nesta segunda-feira a programação do pontífice nos dois países. Francisco percorrerá quase 4 mil quilômetros para visitar Lima, Puerto Maldonado e Trujillo entre os dias 18 e 21 de janeiro do próximo ano.

Antes, o papa passará pelo Chile, onde chega no dia 15. A viagem para o Peru está marcada para três dias depois.

No dia 19 de janeiro, Francisco terá um encontro com as autoridades e membros da sociedade civil do Peru. Posteriormente, o papa se reúne com o presidente do país, Pedro Pablo Kuczynski.

Na sequência, o pontífice vai até a Puerto Maldonado para se encontrar com os povos da Amazônia no Coliseu Regional. No local, Francisco fará um discurso e depois se encontrará com moradores desta cidade do sudeste peruano no Instituto Jorge Basadre.

O papa também visitará o Lar Principezinho, que abriga crianças sem família, indo depois para Lima, onde terá uma reunião fechada com membros da Companhia de Jesus.

No dia 20 de janeiro, o papa vai a Trujillo, no oeste do país, onde comandará uma missa na praia de Huanchaco, percorrerá as ruas da cidade no papamóvel e visitará a catedral da região.

Mais tarde, ele se reunirá no Colégio Seminário Santo Carlos e Marcelo com sacerdotes, religiosos, religiosas e seminaristas, voltando para Lima na sequência.

Na capital peruana, no dia 21, o papa começa o dia com uma oração com as freiras do Santuário Do Senhor dos Milagres, onde também pronunciará uma homilia.

Mais tarde, no palácio do arcebispado, o papa fará um discurso para os bispos e comandará a reza do Ângelus dominical, se despedindo do país com uma missa na base aérea de Las Palmas.

A saída do papa do Peru está prevista para das 14h45 locais (17h45 em Brasília) do mesmo dia.

Essa será a terceira vez que um papa visita o Peru, depois das viagens de João Paulo II em 1985 e 1988.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Papa se reunirá com povos indígenas da Amazônia durante visita ao Peru - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV