A ajuda espiritual é uma ajuda para a liberdade. Vídeo-mensagem do Papa Francisco para a publicação do livro “Cercare e trovare la volontà di Dio”, de Miguel Ángel Fiorito

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • O suicídio no clero do Brasil

    LER MAIS
  • “Agro é fogo”: incêndios no Brasil estão ligados ao agronegócio e ao avanço da fome, diz dossiê

    LER MAIS
  • Polícia de RO invade casa de advogada para apreender material de defesa de camponeses

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


11 Mai 2021

 

A partir de amanhã estará nas livrarias a obra Cercare e trovare la volontà di Dio. Guida pratica agli Esercizi spirituali di Sant’Ignazio di Loyola (Procurar e encontrar a vontade de Deus. Guia prático dos Exercícios Espirituais de Santo Inácio de Loyola, em tradução livre) escrito pelo padre jesuíta Miguel Ángel Fiorito. Composto por cerca de 200 “fichas de leitura” destinadas a quem tem que “ditar” os Exercícios, mas útil também para quem os quer praticar por conta própria, o livro de mais de mil páginas é publicado pela Áncora. “Posso atestar que, quando estão sendo ministrados os Exercícios e se procura algo que ajude o praticante em algum ponto concreto, é surpreendente como são esclarecedoras essas 'fichas de leitura'”, destaca no prefácio o Papa Bergoglio que, no final da tarde de 13 de dezembro de 2019, dia do 50º aniversário da sua ordenação sacerdotal, dirigiu-se à casa geral da Companhia de Jesus, para apresentar a edição organizada pela "La Civiltà Cattolica" dos Escritos daquele que foi professor, guia e padre espiritual do Pontífice: cinco volumes para um total de mais de 2.000 páginas. Na ocasião, foi anunciado também que se estava trabalhando na obra dedicada aos Exercícios. Agora, por ocasião da publicação, o Papa gravou uma mensagem em vídeo que transcrevemos a seguir.

A reportagem é publicada por L'Osservatore Romano, 10-05-2021. A tradução é de Luisa Rabolini.

Cercare e trovare la volontà di Dio.
Guida pratica agli Esercizi spirituali di
Sant’Ignazio di Loyola

Ajudar” é a palavra-chave do curto Prólogo com que Miguel Ángel Fiorito nos apresenta o seu livro Cercare e trovare la volontà di Dio. É uma verdadeira mina para entrar na alma dos Exercícios Espirituais de Santo Inácio. Nós, seus discípulos, chamávamos Fiorito de "o mestre". As ajudas que ele nos dava eram simples, mas necessárias. Este livro os traz de volta com uma estrutura aberta ou, como diríamos hoje, interativa. Vou me deter em algumas coisas que foram positivas para mim e espero que possam ser boas para outros.

Fiorito insiste duas vezes que sua ajuda é "até certo ponto". Esta consciência e aceitação das próprias limitações falam-nos de quão profundos eram nele o respeito e a confiança na liberdade do outro. Sua ajuda vai até o ponto em que o outro, em sua liberdade, deseja sinceramente ser ajudado.

A ajuda espiritual é uma ajuda para a liberdade. É, portanto, um suporte guiado por uma caridade discreta que, sem maltratar os limites, sabe encontrar também aqueles "desejos de desejos" em que a graça se apoia. Com este desejo de desejo é possível ajudar quem pratica a vida espiritual a dar um passo adiante com coragem e ousadia.

O livro é composto por fichas de leitura espiritual. Fiorito escreve: “Transformamos em uma ‘ficha de leitura espiritual’ tudo o que nos fez bem nos autores que citamos, para ajudar, de alguma forma, a prática do ‘mês de exercícios’”.

O que Fiorito chama de "ficha de leitura espiritual" é um gênero literário próprio, original. Fiorito costumava distribuir folhetos mimeografados com tinta azul.

O assunto abordado nessas fichas tinha que caber em uma folha horizontal - às vezes quase sem margens - para que o conteúdo pudesse ser lido de uma vez só. Eram escritos curtos, interessantes e sempre práticos. Nele elaborava textos de outros autores, usando-os livremente, comentando-os, anotando-os.

Esta "conversão" de um material rico e composto em fichas de leitura manuseáveis é o resultado de um longo trabalho de contemplação e discernimento. Aquilo que Inácio chama de “reflexão para obter fruto” do que foi contemplado e que nos fez bem, nas mãos de Fiorito se transforma em fruto ruminado e distribuído em rações pensando no que o exercitante pode e deve assimilar em cada etapa de seus Exercícios.

Portanto, advirto o leitor que este livro deve ser lido e usado na mesma dinâmica e com o mesmo espírito com que foi escrito. Estamos, portanto, perante um livro “modular”, um livro aberto “para ajudar” quem orienta e quem faz os Exercícios. Daí a importância dos índices e do texto dos exercícios que enriquecem esta edição da editora Ancora, a quem agradeço aqui, editada pelos padres da revista "La Civiltà Cattolica".

O mestre conclui o prólogo observando que seu comentário prático será de ajuda a quem deseja praticar os Exercícios, não apenas estudá-los. O objetivo é dar-se tempo para sentir os movimentos do Espírito e buscar no concreto a vontade de Deus através da "reforma" da própria vida.

Para este propósito, parece-me interessante frisar como o conceito de "reforma" - tão popular hoje - seja ampliado e aprofundado. Nos Exercícios a reforma não está apenas em tensão com o que antes estava deformado. A reforma é também conformar-se ao que é novo, isto é, à vida, ao estilo, aos critérios e às escolhas do Senhor. A reforma não tem um caráter funcional, nem de autoaperfeiçoamento, mas sim é voltada para a missão. Se olharmos o exemplo de São Pedro, vemos que cada vez que ele se confessa pecador, o Senhor imediatamente o chama a segui-lo, aperfeiçoando-o não em tudo, mas no que é preciso para ser pescador de homens e para pastorear suas ovelhas. O Senhor não pedirá a Pedro que comece a reformar todos os defeitos que traz consigo da vida passada, mas o convidará a sair de si para anunciar o Evangelho, missão em que o passado se reformará em relação a certas coisas e não tanto em relação a outras.

Segundo o modelo do Evangelho, o fogo e a forma interior dos Exercícios, como diz Fiorito, consistem na ação interior de conhecer - por meio do discernimento - “a vontade divina sobre os temas relevantes de nossa vida espiritual”.

 

 

Logo do Ano Inaciano.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

A ajuda espiritual é uma ajuda para a liberdade. Vídeo-mensagem do Papa Francisco para a publicação do livro “Cercare e trovare la volontà di Dio”, de Miguel Ángel Fiorito - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV