Maioria dos congressistas americanos se declara cristã

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • "Celebrar a vida em abundância": o desejo dos católicos e católicas LGBT+ no Brasil

    LER MAIS
  • Black Friday, assim a grande ‘festa’ do consumo passa a fatura para o meio ambiente e os direitos trabalhistas

    LER MAIS
  • Sinodalidade, fraternidade, solidão dos padres: repercussões da assembleia dos bispos da Itália

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


20 Janeiro 2021

Levantamento do Pew Research Center constatou que 88% dos 435 deputados e 100 senadores do 117º Congresso dos Estados Unidos, que tomou posse no dia 3 de janeiro, se declaram cristãos, em contraste aos 65% do público americano como um todo. A maioria parlamentar se identifica como protestante (55%).

A reportagem é de Edelberto Behs, jornalista.

O relatório Faith on the Hill (Fé na Colina), divulgado pelo portal Christian Post, contabilizou 66 parlamentares batistas (12,4%), que passou a ser a maior denominação protestantes presente no Capitólio. Entre a população estadunidense batistas somam 15%.

As outras denominações protestantes representadas no Capitólio somam 35 metodistas, 26 episcopais anglicanos, 24 presbiterianos, 22 luteranos e 12 protestantes sem vinculação denominacional. Com exceção desses e dos batistas, todas as igrejas protestantes têm maior representatividade no Congresso do que o percentual de membros entre o público geral. 

Chega a 158 os parlamentares que se declararam católicos, o equivalente a 29,8% do Congresso, quando o catolicismo alcança  20% da população dos Estados Unidos. Nove mórmons e sete cristãos ortodoxos compõem a nominata cristã do 117º Congresso

Apenas uma senadora não segue qualquer religião e um deputado se definiu como humanista. Em comparação com a 116ª legislatura, o número de cristãos diminuiu. Metodistas perderam sete cadeiras, batistas seis, luteranos quatro. O número de católicos caiu de 163 para 158 parlamentares. 

Cristãos ortodoxos, que têm 1,6% de deputados na Câmara, não contam, porém, com representação no Senado. Budistas, hindus e muçulmanos não têm representantes no Senado e menos de 1% de parlamentares na Câmara

Dos parlamentares cristãos no Capitólio, 98,9% são republicanos e 77,8% democratas. O Congresso americano também conta com 11,5% de judeus (apenas 0,8% entre republicanos), e um deputado recusou-se a declarar sua filiação religiosa.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Maioria dos congressistas americanos se declara cristã - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV