Amazonas e Manaus – Situação epidemiológica atual – Nota da Fiocruz

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • Reitor da Unisinos rejeita medalha oferecida pelo Itamaraty

    LER MAIS
  • A Bíblia como vocês nunca leram

    LER MAIS
  • Carta dos epidemiologistas à população brasileira

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


01 Outubro 2020

A Fiocruz divulgou uma nota técnica sobre a situação epidemiológica atual do estado do Amazonas e, em particular de sua capital, Manaus, decorrente da evolução da epidemia de Covid-19.

A nota é publicada por Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), 30-09-2020.

A nota, elaborada pelo Observatório Covid-19 Fiocruz e pela Fiocruz Amazônia, envolveu pesquisadores de diferentes laboratórios da Fiocruz (PROCC-Infogripe, LIS-Monitoracovid-19, DAPS-Ensp, ILMD) e reforça a contribuição da instituição na produção de informações técnicas, embasadas por dados e evidências científicas, que possam auxiliar no enfrentamento e na resposta à pandemia.

Segundo dados nacionais da vigilância de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), a partir da Semana 34 (16/8 a 22/8), os pesquisadores observaram um sinal de retomada de crescimento na tendência de longo prazo nos casos tanto no estado, como na capital, em Manaus. A nota técnica pontua um crescimento ainda lento de casos, porém persistente.

Além da taxa de incidência de SRAG no Amazonas, o documento traz análises sobre a evolução de casos confirmados e óbitos de Covid-19, e ocupação de leitos de UTI no estado.

Em razão dos dados levantados, a nota aponta a necessidade de reforço das medidas de proteção individual e coletiva, assim como o aumento na capacidade da testagem de casos suspeitos e contatos, e da vigilância epidemiológica local, com ampliação da captação de suspeitos por meio da demanda passiva e busca ativa de casos. Também indica necessidade de fortalecimento da rede no combate à Covid-19, dentro do caminho percorrido da atenção primaria à atenção terciária; e destaca a importância da realização de um estudo epidemiológico de campo na cidade de Manaus que possa auxiliar e orientar planejamento e monitoramento dessa epidemia.

Leia a nota técnica na íntegra aqui.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Amazonas e Manaus – Situação epidemiológica atual – Nota da Fiocruz - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV