“A economia de Francisco”: evento desejado pelo papa também está nas redes sociais

Revista ihu on-line

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Mais Lidos

  • Sigilo em torno do Sínodo da Amazônia mostra tensão entre transparência e discernimento

    LER MAIS
  • Está chegando o cato-fascismo

    LER MAIS
  • “Facebook ameaça a democracia”, adverte Chris Hughes, cofundador da rede social

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

24 Agosto 2019

A economia de Francisco” desembarca nas redes sociais. Facebook, Twitter, Instagram, YouTube e Flickr serão espaços para se manter atualizado sobre o encontro de três dias, dedicado aos jovens e desejado pelo Papa Francisco.

A reportagem é publicada por Sala de Imprensa da Basílica de São Francisco de Assis, 23-08-2019. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

O evento, que será realizado em Assis de 26 a 28 de março de 2020, já recebeu mais de 500 pedidos de participação de empresários e estudantes com menos de 35 anos, provenientes de mais de 45 países, incluindo Japão, Angola, Brasil, Estados UnidosArábia Saudita, Portugal e Cuba.

O site alcançou 2000 inscritos em poucos meses.

(Foto: francescoeconomy.org)

Em preparação ao encontro internacional em Assis, oficinas, laboratórios, seminários de estudo e conferências serão realizados na Itália e no mundo. Eventos promovidos por universidades, empresas, redes empresariais, organizações, movimentos, associações para trazer à tona o pensamento e o agir econômico dos jovens em preparação a 2020.

São diversos os eventos programados. No início de setembro, será a vez da cidade de São Francisco com o encontro “Percorsi Assisi”. Depois, será a vez da Espanha e Camarões. No site oficial, é possível credenciar as próprias iniciativas Towards the Economy of Francesco, preenchendo o formulário dedicado.

Todas as informações e as novidades estão disponíveis no site e nos canais oficiais do evento: Facebook; Instagram; Twitter; YouTube e Flickr.

O encontro com o papa não será um congresso tradicional, mas sim uma experiência em que teoria e prática se cruzam para construir novas ideias e colaborações. O encontro de março de 2020 parte justamente das propostas e do trabalho dos jovens, em que os tempos desaceleram para deixar espaço para a reflexão e o silêncio.

Laboratórios, manifestações artísticas e plenárias com os mais renomados economistas, especialistas em desenvolvimento sustentável, empresários e empresárias que hoje estão engajados em nível mundial em uma economia diferente e que refletirão e trabalharão junto com os jovens.

(Foto: francescoeconomy.org)

Já confirmaram presença em “A Economia de Francisco” os prêmios Nobel Muhammad Yunus e Amartya Sen. E ainda, entre outros, Bruno Frey, Tony Meloto, Carlo Petrini, Kate Raworth, Jeffrey Sachs, Vandana Shiva e Stefano Zamagni.

Estreitar um pacto com os jovens, para além das diferenças de credo e de nacionalidade, para mudar a economia atual e dar uma alma para a de amanhã, para que seja mais justa, sustentável e com um novo protagonismo daqueles que hoje estão excluídos.

Todas as informações estão disponíveis no site.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

“A economia de Francisco”: evento desejado pelo papa também está nas redes sociais - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV