A amnésia de Austen Ivereigh que agora diz que ''por trás das vítimas dos abusos na Igreja está o Espírito Santo''

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • O que deve ser cancelado? Eis a questão

    LER MAIS
  • Às leitoras e aos leitores

    LER MAIS
  • Padre Miguel Ángel Fiorito, SJ, meu Mestre do Diálogo: “Ele nos ensinou o caminho do discernimento”. Artigo do Papa Francisco

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

10 Agosto 2019

Pastor ferido: a luta do Papa Francisco para converter a Igreja” é o título do livro que o jornalista britânico Austen Ivereigh publicará em novembro, em inglês. Como se sabe, Ivereigh é o autor de uma volumosa biografia do Papa Francisco, uma das primeiras, muito lida, consultada e citada. Nos últimos dias, o jornalista britânico voltou a visitar o Chile, um país onde os grupos que ele fundou, “Vozes Católicas”, operam com forte presença midiática. Em uma entrevista a uma rádio chilena, Ivereigh quis tocar na questão dos abusos sexuais na Igreja do Chile, muitos, gravíssimos e sem fim.

A nota é publicada por Il Sismógrafo, 09-08-2019. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Para o jornalista britânico, trata-se de uma questão que ele não domina e, portanto, não se entende por que quis dar a sua opinião. Desta vez, apoiando-se no magistério do papa (mas sem citar a fonte), Austen Ivereigh disse que, “por trás das vítimas de abuso está o Espírito Santo que está revelando algo”.

Depois, Ivereigh acrescentou que a “falta de credibilidade da Igreja chilena, no longo prazo, será benéfica”.

Por fim, na conversa com o jornalista da Radio Duna, ele enfatizou: “Não há nada que possa limpar o que os sacerdotes acusados fizeram, mas isso não diminui em nada o bem que fizeram”.

Devemos lembrar que, no passado, o jornalista e escritor Austen Ivereigh, em várias ocasiões, atacou as três vítimas de Karadima recebidas depois pelo Papa Francisco: J. C. Cruz, A. Murillo e J. Hamilton.

Precisamente nos dias dos encontros desses três homens com o Santo Padre no Vaticano, Juan Carlos Cruz polemizou via Twitter com Austen Ivereigh, recordando-lhe o que ele escreveu semanas antes, quando pediu que as vítimas mostrassem as provas contra o então bispo de Osorno, Dom Juan Barros, um dos quatro bispos do ex-padre abusador em série Fernando Karadima, exigência muito amplificada pelo grupo “Vozes Católicas”.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

A amnésia de Austen Ivereigh que agora diz que ''por trás das vítimas dos abusos na Igreja está o Espírito Santo'' - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV