Outro olhar: Círio de Nazaré

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • O que deve ser cancelado? Eis a questão

    LER MAIS
  • Padre Miguel Ángel Fiorito, SJ, meu Mestre do Diálogo: “Ele nos ensinou o caminho do discernimento”. Artigo do Papa Francisco

    LER MAIS
  • Plantas 'gritam' quando estão sob estresse, aponta estudo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

15 Setembro 2018

Como parte da herança religiosa dos portugueses, desde 1793, celebra-se o Círio de Nazaré em Belém (PA). A pequenina imagem de Nossa Senhora de Nazaré atrai uma multidão: mais de dois milhões de fiéis se concentram nas principais ruas da cidade, para fazer-lhe promessas, prestar-lhe homenagens e render-lhe graças. 

O comentário é de Carlos Rafael Pinto, mestre em Teologia pela Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (FAJE-BH) e graduado em Filosofia e Teologia pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora (CES-JF).

Embora se concentre em Belém, todo o estado do Pará celebra a festa dedicada à Nossa Senhora de Nazaré, mesmo nas comunidades ribeirinhas mais isoladas. De Norte a Sul do Pará e em outros estados, sobretudo nestes tempos doloridos, suplicamos: “Oh! Virgem Santa/ Olhai por nós/ Olhai por nós/ Oh! Virgem Santa/ Pois precisamos de paz” [1].

Durante os dias de festa, acontecem vigílias e romarias rodoviárias, fluviais e em motocicletas. Porém, o dia mais esperado da festa é o segundo domingo de outubro, quando acontece a procissão da berlinda com Nossa Senhora de Nazaré, durante a qual proclama-se: “Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre!” (Lc 1,42).

Conta-se que a história dessa devoção começou em 1700, quando um caboclo encontrou uma imagem de Nossa Senhora nas proximidades de um igarapé, onde atualmente fica a Basílica de Nazaré. O caboclo levou a imagem para casa, onde lhe ofereceu um pequeno altar improvisado, mas ela, inexplicavelmente, retornou ao mesmo igarapé.

Tal fato aconteceu inúmeras vezes. Cada vez que o caboclo levava a imagem de Nossa Senhora para sua casa, ela regressava novamente ao igarapé. Daí, foi erguida uma ermida naquele lugar de origem. Pouco a pouco, a fama milagrosa da pequenina imagem espalhou-se pelos quatro cantos do Pará e até os demais estados.

Durante o Círio de Nazaré, em outubro, os corações vibram de emoção por tamanha manifestação de fé: “Em Belém do Pará/ São dias de alegria e muita fé/ Começa com intensa romaria matinal/ O Círio de Nazaré/ Que maravilha a procissão/ E como é linda a Santa em sua berlinda/ E o romeiro a implorar/ Pedindo a Dona em oração/ Para lhe ajudar” .

Muitos devotos, antes de voltarem para suas casas, rezam: “Doce Senhora de Nazaré, a ti consagro, agora, as minhas aspirações, meus projetos, meus sonhos, minha missão, minhas realizações, tudo o que tenho e tudo o que sou. Consagro, também, todos os dias restantes de minha vida terrena, para que sejam dias serenos, cheios de paz e de muitas graças” .

E na labuta do dia-a-dia, suplicamos: Nossa Senhora de Nazaré, Rainha da Amazônia, permaneça no igarapé de nossas vidas, para que jamais nos faltem a docilidade de sua presença, o coração confiante, o vinho da esperança e a teimosia da persistência. De Norte ao Sul deste imenso Brasil, escute nosso clamor: Que sequem os vales de lágrimas da injustiça, da corrupção e da maldade! Amém.

Notas

[1] “Festa do Círio de Nazaré”. Disponível aqui. Acesso em 02 out. 2018.

[2] “Festa do Círio de Nazaré”. Disponível aqui. Acesso em 02 out. 2018.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Outro olhar: Círio de Nazaré - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV